Video mostra bastidores de Star Trek Phase II

Star Trek Phase IIO produtor executivo do fanfilm Star Trek: Phase II, James Cawley, enviou ao site TrekMovie um vídeo com cenas dos bastidores da produção The Child (A Criança), novo episódio da famosa série amadora. Veja também os comentários de Cawley e do diretor John Povill.

O roteiro original de The Child foi escrito por John Povill e planejado para a Fase II, nos anos 70, mas esse projeto acabou sendo substituído pelo filme. Mais tarde, em A Nova Geração, o roteiro foi aproveitado, no entanto, foi reescrito e adaptado a série. A versão original tinha uma personagem Deltana e não a betazóide Troi dando luz a uma criança. Para a produção de Star Trek: Phase II, Povill reescreveu o script e introduziu a personagem tenente Isel, uma Deltana. Povill também é o diretor do episódio, que teve a participação de Anna Schneider, dançarina e atriz de Los Angeles.

John Povill comentou sobre o roteiro, “Existe muito mais para os Deltanos em minha história do que foi para eles no primeiro filme. Eu quis transmitir essa variedade de formas. Não apenas no diálogo, mas no movimento. Eu escrevi uma cena de dança entre mãe e filha. Liguei para um amigo que é coreógrafo, Terry Best e Anna é sua professora assistente. Visitei seu estúdio e meu olho bateu instantaneamente na Anna, instantaneamente você olha para a melhor dançarina. Embora ela não se pareça com a beleza clássica, eu tinha em mente que ela apenas se concentrava na lição”.

the-child-1A jovem atriz de The Child é Ayla Cordell, que interpreta a criança alienígena do episódio. Embora digam que trabalhar com atores crianças possa ser difícil, Povill disse, “Se toda criança fosse como Ayla, eles estariam fazendo de tudo para trabalhar com crianças. A química entre elas foi muito bonita e mágica. A mesma mágica que você sentia do mundo no tempo de criança”.

“Queremos ver algumas dessas histórias perdidas voltarem à vida”, disse o produtor executivo James Cawley. “Esperemos conseguir isso, se pudermos, com a participação do autor original”.

“Isto é sincero e não de fórmula, eu convido as pessoas para compararem esse trabalho com o que foi produzido em  A Nova Geração e tomarem as suas próprias decisões”, disse Povill.

As filmagens de The Child começaram em outubro e espera-se que seja lançado no primeiro semestre de 2009. Enquanto isso, o mais recente episódio do fanfilm, Blood and Fire Part I, escrito e dirigido por David Gerrold e com participação especial da atriz Denise Crosby (Tasha Yar), estará disponível no site a partir de 20 de dezembro.

Bastidores de Star Trek:Phase II 

Fonte: TrekMovie

18 Comments on "Video mostra bastidores de Star Trek Phase II"

  1. Sim, mas…
    Onde eu vejo o video? No you tube?

  2. As filmagens de The Child começaram em outubro e espera-se que seja lançado no primeiro semestre de 2009.

    Não entendi Ralph????
    Filmagens começaram em Outubro de que ano? e para que série? e será lançado no primeiro semestre de 2.009??????
    😮

  3. “Vídeo mostra bastidores de Star Trek phase II”

    Aaaaaaaahhhhhhh!!!!!!!!!!!!

    Pensei que vocês estivessem falando da Phase II da série verdadeira (que, cancelada, foi para o cinema!).

  4. Leandro Martins | 16 de dezembro de 2008 at 9:05 am |

    O que demonstra que a idéia deles de mudar o nome da fansérie para Phase II, que sempre foi apenas um Working Title provisório, não foi uma boa idéia…!

  5. Ao menos se usassem o que realmente foi feito para a Phase II verdadeira. Usassem o uniforme, a Enterprise, o Xon no lugar do Spock… será que ninguém nunca vai fazer como devia?

    M’Y

  6. Star Trek Phase II, série amadora, fanfilm.

    Para mim ST é ST e tudo aquilo que for produzido fora Paramount é nada mais que pura diversão e devaneios de nós fãs aficcionados por ST.

    Me desculpem pela minha ignorância, mas particularmente, me contento com as publicações oficiais e provavelmente seus novos episódios também não me chamarão a atenção.

    Eu quero realmente um novo seriado de ST, seja TOS rebootado, ou continuações de ENT, DS9, VOY, TNG, ou seja lá o que for.

  7. James Cawley é um fã XIÍTA de TOS, não aceita qualquer mudança no canôn ou design estabelecido. Mas faz um grande trabalho de preservação da série, mesmo considerado APÓCRIFO. A produção é bem cuidada e o CGI é muito bom, embora os roteiros sejam muito fracos. Agora com GERROLD escrevendo e dirigindo fiquei curiosissimo. Quero assistir quando sair. VIDA LONGA E PRÓSPERA a STAR TREK, mesmo não canôn.

  8. Alexandre Madruga | 16 de dezembro de 2008 at 11:51 am |

    CONCORDO ´PLENAMENTE COM O OBSERVADOR. Sigo o relator. Apoiado.

  9. post.1 Desculpe Eriol, vamos inserir o video.

    post 2. Outubro é claro que refere-se a 2008. A série é a do artigo e será no início de 2009.

  10. Eu assisti o primeiro episódio dessa série produzida por fãs e achei uma completa porcaria, em termos de roteiro (desculpem o termo, mas é isso aí)… 🙁

  11. Obsrevador, apesar de não canon, algumas valem à pena sim. VR5, existem (bem) melhores em termos de idéias do que Phase II (antiga New Voyages)…

    Star Trek: Aurora, que tem dois episódios de 10 min lançados, é bem mais criativa, por exemplo. Uma animação 3D no século XXIII centrada na nave civil Aurora, um pequeno cagueiro (pequeno mesmo) com dois tripulantes: a capitã Kara Carpenter e a imediato vulcana T’Ling.

    Dos três spin-offs Star Trek: Hidden Frontier, que tem cinquenta episódios em 7 temporadas, temos duas com conceito interessante: Star Trek: Federation One, mini-série em 4 partes (primeira já lançada) focada na Presidente da Federação à bordo da flagship Federation One no século XXIV e Star Trek: Odissey, com 5 episódios já lançados, promete ser o que Voyager não foi, com uma nave perdida na galáxia de Andrômeda.

    Ainda Star Trek: Intrepid, que tem dois crossovers com Hidden Frontier, e possui duas naves como principais: a federada USS Intrepid e a comercial SS Ariadne

    M’Y

  12. star trek federation one e star trek odyssey (www.hiddenfrontier.com) sao as melhores fan filmes da internet

    phase 2 do cawley é muito ruim

  13. Mas ainda assim com algumas coisas boas e outras muito ruins há gente que quer fazer STAR TREK, não somente ver. Isso é coisa de muito amor à série.
    Eu também acho louvavel o sacrificio financeiro, de tempo dessa gente. Por isso não falo mal deles.
    Até eu gostaria de saber fazer desenhos em Flash, Java ou 3DStudio (sai muito mais barato) para poder fazer a minha JORNADA. Ou há algum fã que nunca quiz realmente dizer “ELE ESTÁ MORTO JIM”.

  14. Tivemos um pequeno problema para inserir o video, então coloquei o link para quem quiser dar uma olhada.

  15. Post 13 -> Pado

    Eu já sou mais pelo “se vai copiar, copia direito”. Se é pra ser Phase II, que mandem o Spock pro inferno, tragam o Xon, façam o refit na 1701, chamem o Decker e a Ilia…

    M’Y

  16. Nuss…

    Eu baixei o video do 1 episodio desses caras.
    Mas foi vendo o video deles (que por sinal tá de altíssima fidelidade e qualidade) que eu começo a achar o filme do JJ atraente.

    Meu deus… não tinha como ressuscitar o Kirk e Cia sem dá uma recauchutada naquilo tudo!!! Por causa da baixa qualidade dos videos originais nem percebi como aquela ponte parece um carro alegórico de uma escola de samba!

    Mas… os videos são muito bons! Os caras estão de parabéns!

    Só nao gostei do Kirk alá Elvis, Spock emo, e o “Bones” gordo.

    Flw

  17. Como gosto é que nem c*, cada um tem o seu, já dizia o poeta, eu penso justamente o oposto que muitos colegas aqui.

    Não sou muito fã dos “fãs-filmes”, pela qualidade amadora e egocentrismo de seus criadores, que sempre se colocam no papel principal.

    Mas verdade seja dita: o Phase II tem inúmeros defeitos, mas é o único que consegui assistir alguns episódios. É comum participarem trekkers que tem alguma experiência em atuação (alguma…) e atores da série clássica (inclusive Takei, Koenig), o que dá “um pouquinho” mais de qualidade. Acho que até a canastrice do Cawley melhorou…

    Já os outros, como Hidden Frontier e derivados, acho inassistíveis, tamanha ruindade. Vejo só um monte de trekkers em uniforme, brincando em frente de uma tela azul (e da maneira mais esteriotipada possível). E parece que eles estão mais preocupados com a quantidade de episódios (e 500 mil spin-offs), que a qualidade propriamente dita. Com certeza eu não faria melhor, e me divertiria a beça fazendo, mas, sinto um pouco de vergonha pelos trechos que assisti (sabe quando vc vê que a pessoa tá passando um papelão?).

  18. Baixei o episódio “Blood and Fire – Part 1” de http://www.startreknewvoyages.com e devo dizer que fiquei impressionado com a qualidade do produto final. Eles já conseguiram igualar – e em alguns aspectos suplantar – a Série Clássica. É gritante a melhoria na qualidade do script, cenários, figurinos e efeitos desde o primeiro episódio desta fan-fiction. Grata surpresa: acabou a fase de amadorismo.

Leave a comment

Your email address will not be published.


*