Infelizmente, até o momento, não há mais notícias sobre o progresso da sequência de Star Trek, exceto pelo roteiro que será entregue no próximo mês. Agora, os roteiristas Roberto Orci e Damon Lindelof informaram que se mudaram para um hotel para sentarem e se concentrarem no término do primeiro rascunho. E mais, para não deixarem os fãs sem novidades, Bob Orci pede para que dêem um nome para um dispositivo de navegação que fica a frente da nave Enterprise. Detalhes a seguir.

No final da tarde desta segunda-feira, o co-roteirista Damon Lindelof enviou um tweet mostrando que eles realmente agora focados sobre o roteiro, dizendo que ele e Orci se mudaram para um hotel para se concentrarem melhor. Assim diz Lindelof:

Orci e eu estamos enfurnados em um quarto de hotel, audaciosamente indo. E sim, eu sei como isso soa, você pervertem.

Orci, acrescentou, em tom de brincadeira, dizendo que o primeiro fã que reconhecer Damon Lindelof e ele em uma área de Los Angeles na noite de terça no bar do hotel, terá seu sobrenome inserido num personagem do filme. 

A prática de ‘enfurnar-se’ em um hotel na verdade é uma espécie de ritual para Roberto Orci. Ele e seu parceiro Alex Kurtzman, muitas vezes alojam-se em hotéis para terminarem os scripts. Os autores disseram que isso ajuda a remover todas as outras distrações, para se concentrarem no trabalho. A razão pela qual não estão juntos com Kurtzman, é que o co-roteirsta está ocupado dirigindo o drama de família Welcome to People, que tem como estrela Chris Pine. No entanto, Kurtzman, que também é creditado como produtor/co-roteirista de Star Trek 2, tem trabalhado em estreita colaboração com Orci e Lindelof no roteiro do segundo filme.

O site TrekMovie contatou Orci e perguntou se existe algum feedback que a equipe gostaria de ter nos comentários dos fãs. Bob enviou a seguinte consulta:

Qual o consenso geral para o nome adequado do prato principal do deflector?

O prato visto em todas as naves da Frota Estelar nas histórias de Jornada tem sido referido com muitos nomes, incluindo “defletor de navegação”, “disco defletor”, “prato defletor” e outros.

Pode ser que o prato citado por Orci, tenha alguma referência casual no filme. Mas em alguns casos, no passado de Jornada, o prato defletor desempenhou um papel fundamental nas histórias. Kirk tentou usar defletor da Enterprise original para mover um asteróide no episódio “The Paradise Syndrome”. Em A Nova Geração, no episódio “The Best of Both Worlds”, Riker ordena o disparo de um feixe de energia a partir do defletor da USS Enterprise para destruir um cubo Borg.  O defletor provavelmente desempenhou o papel mais importante numa cena de Star Trek VIII: First Contact, quando o Picard, Worf e Hawk, andam no casco da Enterprise-E para impedir alguns Borgs de transformarem o deflector em um farol para pedir reforços.

De qualquer modo vale sua tentativa de nomear esse dispositivo no site TrekMovie.