Cumberbatch: Sequência é incrivelmente brilhante

No domingo, Benedict Cumberbatch viajou para o Reino Unido para participar da cerimônia do British Academy of Film and Television Arts como apresentador e candidato a Melhor Ator. Infelizmente ele não ganhou premiação, mas falou um pouco a respeito de sua participação em Star Trek XII.

Numa entrevista a BBC, durante a premiação do British Academy of Film and Television Arts, Cumberbatch falou sobre Star Trek (e Sherlock). Ele não forneceu nenhum spoiler, mas deu sua impressão do que viu por lá.

[Star Trek foi] incrível. Um dos melhores quatro meses da minha vida. Era diversão extraordinária do começo ao fim. J.J. Abrams é um deus. E o restante do elenco e o que nos foi pedido fazer no filme é incrivelmente brilhante. Eu adoro todos eles. Foi uma enorme aventura de montanha-russa e eu mal posso esperar para ver o mundo assistir o filme. Eu não posso te dizer nada sobre isso, mesmo sobre o papel que estou interpretando.

E sobre a especulação, relatos e rumores de que esteja fazendo Khan na seqüência.

Há todo o tipo de especulação sobre todo o tipo de personagem. Seria estragar a todos se eu esclarecesse alguma coisa. Então eu vou deixá-lo com um sorriso.

Fonte: Trek Movie

16 Comments on "Cumberbatch: Sequência é incrivelmente brilhante"

  1. “J.J. Abrams é um deus.” –> Pow, tudo só fala bem desse cara! Será assim mesmo ou é só puxasaquismo?

    “Foi uma enorme aventura de montanha-russa e eu mal posso esperar para ver o mundo assistir o filme.” –> Se esta aventura for como a dos vingadores, mas com um roteiro condizente com ST, estaremos nos céus!!

  2. Alex Altorfer | 30 de maio de 2012 at 1:41 pm |

    Pessoalmente, achei os Vingadores um filme muito cansativo, com sequencias de ação confusas, tão espremidas ao ponto de se atropelarem. Meia dúzia de super-heróis simultaneamente combatendo um exército do mal é algo difícil de acompanhar. Este é um filme que, com certeza, não merece a honra da maior bilheteria da história.

    ST XI, por outro lado, teve muita ação, mas com sequencias melhor ordenadas e coerentes. Assim, espero que ST XII siga a tradição de seu antecessor.

  3. Alex Altorfer: caraca, vc é o primeiro que conheço que diz não ter gostado. Se inverter o que vc escreveu, acaba por ser a minha opinião…

    Mas, pow, é a sua opinião e há de se respeitar. Até porque, as opiniões divergentes contribuem para o crescimento. Já pensou, se aqueles que tem algo a criticar sobre esse filme pudessem se manifestar aos produtores/diretores/escritores? Com certeza iriam melhorar muitos aspectos no próximo filme.

  4. O Benedict é “incrivelmente brilhante” pelo menos na foto que ilustra a matéria, e falando sério as minhas expectativas estão lá em cima se o filme não for bom vai ser um tombo incrível. 🙂

  5. Rapaz..muita idolatria em cima do JJ hein! Vai com calma aí Benê.
    Bom, em todo caso, esta news atiçou nossa curiosidade treker, como era de se esperar. Vamos aguardar agora mais informações, e os trailers..quando sai o primeiro será?

  6. Chamar o cara de deus já é demais. Dessa vez nem dá pra negar que é exagero. E isso não é um caso isolado.

    Eu me lembro a uns três meses quando no Omelete saiu uma notícia sobre Clverfild II. Um monte de gente idolatrou o primeiro filme, o $J$J$ e Super 8, diziam que foi injustiça não terem ganhado Oscar, Globo de ouro (será que é por ser um prêmio televisivo?) e o diabo a quatro. Mas pera aí, Cloverfild foi um fracasso de bilheteria e critica, Super 8 passou longe do quê prometia e foi totalmente esquecível, e $J$J$ então, suas séries estão todas sendo canceladas, sua próxima série é uma cópia de 4400 e Walking Dead, só que bem menos caprichada. Porém ele fez alguams séries que marcaram a “nova” atual geração, fez dois ótimos filmes também
    (posso não concordar com a qualidade, mas tenho que admitir os números). Resumindo, ele pra mim é só mediano e pronto, daonde vem essa messianidade?

    Na minha opinião essa tal nova geração de “LEGAIZINHOS” que fazem joinha e gritam “u-hu” pra tudo escolheram ele pra simbolo em seu alje de carreira, acreditando que seria para sempre. Mas não aconteceu. E como todo mundo vê a todo momento, adolescentes (e quem se acha descolado pros dias de hoje) não aceitam estar errados por nada. Então eles vão com o pé embaixo, mesmo com o radiador vazio, mas não aceitam ir mais devagar ou parar para ver o que está acontecendo, pedir informação então…

    Eu sinceramente, porém, espero que esse filme vá bem e lhes dê pelo menos um bom passa tempo, mas assim como no primeiro, não creio mesmo, que vá além disso.

  7. “Há todo o tipo de especulação sobre todo o tipo de personagem. Seria estragar a todos se eu esclarecesse alguma coisa. Então eu vou deixá-lo com um sorriso.”

    O Pegg já estragou. Ele confirmou que não é Khan. E cá entre nós, eu acho que é meio anti-ético ficar falando de personagens que você não interpreta! De qualquer forma eu estou aliviado com a notícia!

  8. O J. J. é um bom diretor, mas não vamos exagerar. Devo lembrar o Pado queFringe foi para último ano, isto é, ainda não acabou. Como já disse antes, ST XI teve o roteiro muito furado, mas foi bem dirigido. Essa papagaiada de alogios rasgados e “se divertram muito”, nao passa de markting de quem nao tem o q falar. O resultado estaremos vendo o ano q vem e torcendo para que seja melhor filme q o ultimo.

  9. Minha opinião é a seguinte: em se tratando de filme, JJ só consegue fazer algo “aproveitável” quando é sobre temas/séries já conhecidos (ST e Missão Impossível). Quando é algo “originalmente dele”, a coisa não anda bem (Super 8 e Cloverfield).

    Ou seja: partindo do zero o cara não dá conta…

  10. E o Pado é meu herói….

  11. Trekker
    Na verdade, os roteiristas sao do tipo adrenalina sem conteudo, esse é o problema. Quanto ao super8, foi bem spelbergeano, mas acabou sendo muito fraco. Ele pode muito bem filmar com outros roteiristas que, certamente irá se dar bem.

  12. Alex Altorfer | 31 de maio de 2012 at 9:39 am |

    Curti bem mais Super 8 do que The Avengers. Gostei da sensação de flashback para os anos 80. Acho que estou ficando velho.

  13. Alex Altorfer -> Estou colocando em minha agenda o filme Super 8, justamente por este aspecto dos “nos 80”. Vou conferir.

  14. Pode ser isso, VERDE, é bem possível…

  15. Essas palavras do camarada aí são normais, é de praxe essa babação.

    Trekker, acho que o JJ está se transformando num mestre em pegar idéias alheias e dar uma nova vida a elas. As séries de tv Alias e Fringe são um outro exemplo. No começo até achava errado isso, mas as séries por exemplo tem vida própria, acho que ele é um adepto total daquele bordão que rolava no Chacrinha…algo tipo nada se cria, tudo se copia…

    Quanto a Super 8, até hoje não vi, mas só de pensar que é uma tremenda puxação de saco no Spilba sempre me desanima de procurar pra ver e Cloverfield eu adoro, acho que ele conseguiu ali o seu Godzilla. (Olha outra cópia descarada dele hehehe).

  16. Huuummm…. achei interessante essa sua colocação, Cesar Adr…

Leave a comment

Your email address will not be published.


*