kirk sadPara quem ainda tinha esperança, melhor desistir. Apesar dos rumores iniciais de que havia a possibilidade de William Shatner reprisar o papel do capitão James T. Kirk para a aventura do 50 º aniversário este ano, o velho Bill disse a revista SFX  que não vai ser transportado a bordo da Enterprise para o mais recente longa metragem da franquia, Star Trek Sem Fronteiras.

“Nunca houve uma conversa”, diz ele, alegando que não teve nenhuma participação em planos preliminares para ressuscitar o personagem icônico nos filmes de J.J. Abrams.

Enquanto seu falecido amigo Leonard Nimoy fez participações especiais como Spock em 2009 com Star Trek e em 2013 com Além da Escuridão, a última participação de Shatner na franquia foi em 1994 com Star Trek: Generations, filme que sacramentou a morte de Kirk.

“Teria sido interessante ver o que a sua imaginação fértil poderia ter feito com alguém que é 20 anos mais velho do que quando o capitão Kirk morreu [em Generations] e como eles teriam explicado a diferença na aparência. Mas isso nunca veio à tona. Tenho certeza que eles devem ter pensado nisso num momento ou outro, mas eu nunca tive uma conversa substancial sobre repetir o papel.”

Segundo rumores, o retorno de Shatner teria sido a chave para um enredo desenvolvido por Roberto Orci para o terceiro filme de Abrams, mas foi posteriormente substituído na cadeira do diretor por Justin Lin e pelo escritor Simon Pegg.

Shatner esteve próximo de reprisar seu papel na reinicialização de 2009, numa participação especial. Foi dito na época, que a cena se passaria com Nimoy dando a Zachary Quinto um pingente que continha uma conversa holográfica do original Jim Kirk. A cena não foi filmada.

Fonte: Screenrant