Depois de finalmente ser apresentada pela CBS para a série Star Trek: Discovery, a atriz Sonequa Martin-Green compartilhou alguns pensamentos sobre a franquia. Veja também Nichelle Nichols desejando fazer uma ponta na série, rumor sobre participação de Michael Dorn e uma greve que pode atrapalhar as filmagens.

As notícias sobre a entrada de Sonequa Martin-Green na série só se tornaram oficiais depois que ela saiu de outro programa, The Walking Dead, pela AMC. O showrunner de TWD, Scott Gimple, explicou para TV Line esse atraso:

Vamos começar com Sasha. Sua morte era o resultado de Sonequa Martin-Green querer passar para Star Trek: Discovery , ou foi estritamente uma decisão da história?

Scott Gimple: Da história. O pessoal de Star Trek teve sorte com o timing.

Houve discussões entre a AMC e a CBS All Access para manter ela no elenco de Discovery em segredo, para não avisar os fãs de que Sasha não sobreviveria à temporada?

Scott Gimple: Nós estávamos esperando manter em segredo, mas não aconteceu, o que veio à tona. Parece que eles tentaram, só que saiu. Mas isso nos colocou para contar uma grande história. O episódio foi a coisa mais importante (da série).

A atriz também compartilhou mais pensamentos sobre sua entrada na franquia.

Falando ao Vulture.

Eu amo a série original. É a minha favorita de todas, e eu adoro a dinâmica entre Kirk e Spock. Todos os personagens da série tinham relacionamentos ricos. Eu tive que mantê-la em segundo plano, quando eu comecei a fazer meu trabalho.

 

Nichelle Nichols e o desejo de estar em Discovery

Em uma entrevista para promover seu aparecimento neste último fim de semana na Wizard World, em St. Louis, a veterana atriz Nichelle Nichols falou um pouco sobre Star Trek: Discovery. E, assim como Connor Trinneer, ela demonstrou interesse em aparecer na série:

A nova série “Star Trek: Discovery” é a primeira parcela da franquia que terá uma mulher negra como o personagem principal. Você conheceu Sonequa Martin-Green? Você tem algum interesse em aparecer na série?

Nichelle Nichols: Eu ainda não conheci (Sonequa), mas estou absolutamente ansiosa pela oportunidade. Se há um papel para mim que os produtores queiram e eu acho que seria um bom ajuste para uma aparição, estou absolutamente aberta a discussão.

Não há informação se algum dos membros das séries original e Enterprise teria participação especial em Discovery.

 

Rumor sobre presença de Michael Dorn é falso, por enquanto.

O ator Michael Dorn esteve num evento no Orland Shakespeare Theatre, na Flórida, dias atrás, chamado Uma noite com Michael Dorn, onde ele também está realizando uma peça Antonio e Cleopatra.

Um site que cobria o evento publicou um artigo relatando que Dorn disse ao público presente que ele teria um papel como um antepassado de seu personagem Worf na série Discovery.

O site TrekMovie procurou o Sr. Dorn que revelou ter sido mal-entendido. O ator confirma que houve “algumas conversas com produtores no ano passado” sobre um possível papel de Star Trek: Discovery. Essas discussões duraram algumas semanas, no entanto, nunca levaram a qualquer lugar e não há “planos para ele aparecer neste momento” na nova série.

Segundo o crítico de teatro, Matt Palm, presente no painel, Dorn disse que houve interesse manifestado dos dois lados, mas não houve consenso a respeito de quanto ele receberia para esta p

Michael Dorn já fez um antepassado de Worf do século 23, no filme de 1991 Star Trek VI: A Terra Desconhecida onde se identificava como “Coronel Worf”, advogado de Kirk e McCoy para o seu julgamento Klingon.

 

Ameaça de greve dos escritores pode atrapalhar produção da série.

Se as negociações entre The Writers ‘Guild of America (WGA) e a Aliança de Cinema e Televisão (AMPTP) falharem, a produção de Discovery poderá ser afetada.

Os dois grupos retomaram as negociações após uma pausa de duas semanas nas negociações que ocorreram quando uma oferta da AMPTP foi rejeitada pelo WGA.

“Os escritores viram seus honorários caírem em 23%”, disse Chris Keyser, co- presidente do comitê de negociação do WGA.

Os escritores também querem melhores benefícios de saúde e pensão, melhorar os seus acordos de royalties, e melhores taxas de script e resíduos.

“Nós concordamos em vir segunda-feira para começar uma conversa. Se tivermos que ir para a greve – e estamos a muitos passos de distância ainda, mesmo que algo esteja no meio da produção, os escritores pararão de escrever”.

Alguns dos programas seriam afetados como os dramas da Marvel da Netflix, One Day at a Time, Divorce da HBO, American Horror Story da FX e Discovery.

O WGA vai “votar com seus membros para uma autorização de greve, com votação on-line para correr de 19 a 24 de abril.”

Por enquanto é isso, gente.

Continue acompanhando o blog TB e no facebook, pois traremos mais novidades, assim que forem surgindo.

Fontes: Trekmovie, TrekToday, TrekCore