Uma pergunta que sempre surge nos debates e reuniões de trekkers é se o ator William Shatner poderia ou não voltar ao seu papel icônico como capitão James T. Kirk. Isso surgiu novamente em uma entrevista com o ator promovendo sua aparição neste fim de semana na Fan Expo, em Regina, Saskatchewan, Canadá. O Regina Leader Post questionou se ele estaria disposto a voltar a fazer o mais importante papel de sua carreira na TV e no cinema.

“Estou perfeitamente apto e pronto para colocar a maquiagem …. O problema que eu acho é o que você faz com um capitão idoso cuja existência jovem já está lá? “, Disse Shatner, agora com 86 anos.

O problema de trazer Kirk de volta aos filmes não é sobre ele ser um capitão envelhecido, que pode interagir com seu eu mais novo, como fizeram com Leonard Nimoy e Zachary Quinto. A verdadeira questão é o destino que aconteceu a Kirk em Star Trek: Generations de 1994.

É claro que como a série Discovery se situa no universo original, poderia haver um lugar possível para Kirk aparecer, mas eles poderiam pagar para ele em um orçamento de TV?

Apesar de dizer que está disponível a fazer Kirk, William Shatner está seguindo para outra produção. Em março, ele havia conseguido o papel de protagonista no filme de comédia Senior Moment. Em abril, o site Variety informou que o ator Christopher Lloyd havia se juntado ao elenco, fazendo o retorno de uma reunião bem conhecida dos fãs de Jornada entre Shatner e Lloyd, que se enfrentaram como Capitão Kirk e o Comandante Klingon Kruge no filme Star Trek III: A procura de Spock em 1984, mas desta vez os dois vão estar sendo melhores amigos.

Além do filme, Shater parece estar procurando algo excitante para fazer. As empresas Zero Gravity Corporation e Roddenberry Adventures acabam de anunciar um “ZERO-G Experience® com William Shatner” para um número limitado de pessoas em um vôo exclusivo de Las Vegas em 04 de agosto.

Vôo a bordo do G-FORCE ONE®, o Boeing 727 especialmente modificado pelo ZERO-G, os fãs se juntarão a Shatner, enquanto o avião executa uma série de arcos parabólicos para “criar a emocionante sensação de flutuar pelo espaço”.

Curioso é que Shatner, alguns anos atrás, decidiu não ir a bordo da nave espacial Virgin Galactic de Richard Branson porque ele “tem medo de viajar de avião”.

Fonte: TrekMovie