Star Trek: Seção 31 já tem sua sala de roteiristas

Em entrevista ao site Vanity Fair, o produtor Alex Kurtzman, e a executiva da CBS All Access, Julie McNamara, falaram sobre o status da nova série Star Trek: Seção 31.

Esta série terá como protagonista uma personagem tirada da série Discovery, a imperatirz Georgiou, interpretada por Michelle Yeoh.

O anúncio da Seção 31 foi feito em janeiro, e embora tenham informado que Bo Yeon Kim e Erika Lippoldt estavam dando os primeiros passos para construir sua história, a coisa ficou meio que esquecida, por um tempo.

Mas, nesta recente entrevista ao Vanity Fair, Kurtzman e McNamara trouxeram mais novidades ao que está sendo feito para tirar o projeto do papel.

A equipe de roteiristas já está formada.

McNamara relatou que todos estão muito empolgados com a série, assim como Michelle Yeoh.

Ela está na atual temporada de Discovery”, disse a executiva, “Então está trabalhando nisso agora, mas temos roteiros sendo escritos e Alex tem uma sala de roteiristas. Adoramos o que ouvimos até agora. É mais uma tonalidade de Jornada. Como Alex planejou tudo, cada série tem seu próprio tipo único de voz e visão”.

A tonalidade da série.

Kurtzman repetiu, o que já havia dito anteriormente, a respeito de seus novos projetos para Star Trek, “O que nós não queremos é que você assista a uma série e fique com a impressão de: – Bem, eu realmente não preciso assistir aquela outra série Trek, porque eu já assisti Discovery ou o que seja”, disse o produtor.

Então, para mim, a Seção 31 é como a divisão de operações sombrias da CIA em Star Trek e foi criada em Deep Space Nine”.

Kurtzman observou que Michelle Yeoh começou a pressionar por uma série de sua personagem (a Georgiou do Universo Espelho) antes de Discovery encerrar sua primeira temporada.

“Todo o crédito é dado a Michelle Yeoh por ter me procurado e dito na primeira temporada, antes mesmo de lançarmos: “Eu quero fazer um spin off do meu personagem!” Com Michelle Yeoh, é muito difícil dizer não”, comentou.

Mas, foi preciso que a produção esperasse para ver como Discovery se sairia, para depois pensarem em outros projetos.

“…Então eu fiquei tipo, vamos fazer uma série que espero que as pessoas gostem e que possamos conversar depois sobre isso. Após Discovery sair, eu trouxe para Julie (a ideia da Seção 31) e ela imediatamente disse, ótimo, vamos desenvolvê-lo.

Segundo Kurtzman, a personagem terá um tom semelhante a um filme de Clinton Eastwood.

“Erica [Lippoldt] e Bo Yeon [Kim], duas escritoras de nossa equipe de Discovery, começaram a escrever um piloto e é realmente diferente. Ocupa uma área do universo Trek que nunca foi realmente explorada geograficamente. Tem uma nova mitologia, o que é muito interessante. E coloca a personagem de Michelle à prova de várias maneiras que Discovery não pode fazer. De certa forma, isso será o seu ‘Os Imperdoáveis’, eu diria”.

Durante uma entrevista em abril a Newsweek, Michelle disse que a série “será menos intensa e mais divertida. Visitando mais planetas e resgatando pessoas à nossa maneira”. Sobre o personagem, ela disse que será “deliciosamente mal”, será muito diferente das duas interpretações anteriores de Georgiou.

O filme ganhador do Oscar, Os Imperdoáveis, conta a história de um pistoleiro aposentado, que, por questões financeiras, assume “um último trabalho”, quando lhe oferecem 1000 dólares para matar dois homens que cortaram o rosto de uma prostituta.

A entrada no CBS All Access permitiu expandir a franquia

Kurtzman disse que ele e a executiva Julie McNamara já se conhecem há muito tempo, com um longo relacionamento profissional, e a confiança foi adquirida com o tempo. Mas o acesso a plataforma streaming permitiu fazer coisas com Jornada que não eram permitidas nas TVs abertas.

Julie nunca diz, se é isso que você pode e não pode fazer“, disse Kurtzman, “É, o que você pode sonhar e como posso tornar isso possível. Na rede, há restrições rígidas de tempo e regras sobre o que você pode e não pode dizer ou não pode mostrar. Mas não temos nenhuma dessas restrições no All Access“.

Como já foi dito pelos produtores, o novo spinoff de Star Trek, focado na Seção 31, está programado para iniciar as filmagens de seu episódio piloto, assim que a produção da terceira temporada de Discovery estiver concluída. Ainda não há data para seu lançamento.

Fonte: TrekMovie e Comicbook

Be the first to comment on "Star Trek: Seção 31 já tem sua sala de roteiristas"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*