Morre Nimoy: adeus ao herói da geração geek

10645251_695038567231807_3138378833799440720_nTexto publicado pelo editor e criador do Trek Brasilis, Salvador Nogueira, em seu blog Mensageiro Sideral.

O ator Leonard Nimoy, eternizado por sua interpretação do sr. Spock, personagem da série “Jornada nas Estrelas”, morreu nesta sexta (27), aos 83 anos. Diagnosticado com doença pulmonar obstrutiva crônica, ele foi diversas vezes levado ao hospital às pressas nos últimos meses. A última foi no dia 19, que o levou a ser internado com fortes dores no peito. Mas ele estava em sua casa, em Los Angeles, quando morreu.

Foi impossível não derramar lágrimas ao saber da notícia. Nimoy cativou milhões com sua inesquecível interpretação de Spock, um personagem que ele ajudou a construir e eternizar, desde 1964, quando o primeiro piloto da série foi produzido, até a mais recente produção, dirigida por J.J. Abrams e lançada em 2013.

Nimoy deixou um legado incrível. Muitos cientistas e astronautas que hoje participam de missões espaciais descobriram sua vocação ao assistir às aventuras de “Jornada nas Estrelas”. É um personagem que antecipou em décadas a noção de que ser inteligente, nerd mesmo, podia ser interessante — hoje, depois de séries como “Big Bang Theory”, ninguém mais questiona.

Isso sem falar no ser humano incrível que sempre demonstrou ser, não só com seus colegas atores (chegou a ameaçar se demitir quando cogitaram dispensar coadjuvantes do elenco da série, para a produção de um desenho animado) como com todos que tiveram a chance de ter contato com ele. Spock era vulcano, mas Nimoy sempre representou o melhor que há no ser humano.

Meu momento especial com ele foi em 2003, quando o ator esteve no Brasil para uma convenção. Consegui uma entrevista exclusiva com ele para a Folha, dias antes, por telefone, o que causou certo incômodo ao estúdio e aos organizadores. Afinal, não só usei meus contatos trekkers para fazer o pedido diretamente à secretária dele, sem passar pela “via-sacra” das assessorias de comunicação, como elas haviam prometido uma exclusiva para outro veículo de comunicação.

O primeiro choque foi quando ele retornou a ligação, na hora combinada. Eu atendi o telefone e ele pediu por mim. Eu, naturalmente, já sabia quem era. Meu lado fã gritava desesperadamente. “O sr. Spock acaba de me telefonar!” Por fora, claro, mantive (tanto quanto consegui) a serenidade e fizemos uma ótima entrevista.

Fiquei muito contente com ela, pois fiz uma pergunta entrelaçando ciência e ficção científica que Nimoy disse jamais ter ouvido antes. Você entrevista uma lenda viva e faz uma pergunta inédita! Eu já estava no sétimo céu trekker e pronto para aguardar na fila para pegar seu autógrafo dali a alguns dias, em São Paulo, quando Nimoy me deu uma terceira alegria. Durante sua apresentação aos fãs, no palco, ele mencionou a minha entrevista! Foi incrível.

E esse era Nimoy. Por menores que fossem os detalhes, ele sempre se mostrava atento aos outros e tratava a todos com respeito e delicadeza. Sem a arrogância de tantas estrelas de cinema. Não por acaso hoje é um dia triste para tanta gente, inclusive para mim.

A luz de Nimoy, contudo, é como a das estrelas mais distantes no espaço sideral, que ele tanto ajudou a explorar na ficção. Os astros que a originaram podem há muito ter desaparecido, mas sua luz continua a vagar pelo cosmos, inspirando pessoas do outro lado da galáxia a aprender mais sobre o Universo. O homem se vai, mas a lenda fica.

Vida longa e próspera, sr. Spock.

34 Comments on "Morre Nimoy: adeus ao herói da geração geek"

  1. Nesta galáxia, há uma probabilidade matemática de 3 milhões de planetas tipo-Terra. E em todo o universo, 3 milhões de milhões de galáxias como esta. E em tudo isso, e talvez mais, apenas um de cada um de nós. Não destrua aquele chamado Nimoy

  2. Paulo Chagas Junior | 27 de fevereiro de 2015 at 3:59 pm |

    Dia de luto . Descanse em paz Nimoy . Nosso eterno Spock

  3. Pra nossa sorte, ele viveu aqui.

  4. OBRIGADO POR TUDO!!!!! VOU TER DE IR SOZINHO DE AGORA EM DIANTE….

  5. Ótimo texto!

  6. José Umberto Jesuíno | 27 de fevereiro de 2015 at 5:24 pm |

    “O bem de muitos pesa mais que o bem de poucos ou de um só” Enquanto viver, jamais esquecerei a grandeza dessa frase. Sua alma se juntará às de Scott e Maccoy, afinal cavalgar pelas galaxias não é para os jovens e paras as estrelas? Descanse em paz meu grande amigo.

  7. Sidnei Marcio de Oliveira | 27 de fevereiro de 2015 at 5:26 pm |

    R.I.P., Mr. Nimoy !

  8. Que dia triste… que dia triste! Leram o último tweet dele? Maravilhoso!

  9. Sou de Canoas/RS, e minha mulher Rochele é de São Leo/RS. Estamos muito tristes. Fiquei emocionado ao lembrar de muitas cenas de diversos trabalhos, tanto na franquia ST, quanto os mais recentes em Fringe e Big Bang Theory que utilizava a voz e o boneco do Sheldon. Certamente ele representava como ninguém o real espírito da honra, liberdade e lealdade acima de tudo, mensagens indeléveis do personagem Spock e da franquia original. Sem dúvida, um ícone do cinema, que como bem dizia “extrapolou” todas as barreiras e fronteiras da imaginação, e sinceramente, ele personificou a frase “onde nenhum homem jamais esteve”, esse foi certamente Nimoy, nos levou ontem e hoje, nos levou aos mais distantes lugares e mundos distantes onde somente a nossa mente poderia nos levar. Agradeço triste agora, mas feliz pois sei que muito em breve sua alma poderá finalmente viajar pelos mais distantes cantos do extremo universo, como sempre almejou. Viaje em paz, Mr. Spock, Vida longa e eterna!!!

  10. Maravilhosos texto. Muitas vezes falamos só o bem daqueles que partem, mas Leonard Nimoy foi uma pessoa ímpar: um cavalheiro, sempre de bom humor. Já ouvimos falar de tantos escândalos e arrogâncias de atores, mas de Nimoy nunca ouvi falar. Tenho certeza que durante a sua vida, teve seus maus momentos, mas nunca soube de nenhum. Foi um herói para min desde os 9 anos. RIP.

  11. Em minha tristeza e anonimato posso dizer: “Que fui e sempre serei seu amigo”
    Vida Eterna e Paz Spock

  12. Momento triste…

  13. Igual pra mim Verdão! O Nimoy passava além da paz de espírito, passava também uma presença de confiança e “tudo de bom” que alguém pode passar a outro alguém…

  14. Falou tudo Salvador.

  15. Coincidência ou não, o canal SyFy está reprisando agora o episódio TNG “Reunificação” onde o Nimoy atua! Agora não segurei mais chorei….

  16. Salvador Nogueira, você é um privilegiado! Essa sua experiência vale uma existência! Que suas palavras continue a propagar o quanto o Nimoy foi “um ser humano ímpar” e que o simbolismo de seu personagem seja eterno em nossa civilização e em nosso imaginário….

  17. O elo mental de Spock com Picard, quando ele acessa as lembranças de “Sarek”…. ele chora…. (Unificação parte 2 S05, reprisou hoje)

  18. Pessoas iluminadas como ele partem nesta serenidade.

  19. Vai não, Brother, tô junto contigo!!

  20. Acabei de rever “A Ira de Khan”. Maior nó na garganta.

  21. Nossa… muito triste…. para mim, um dos melhores personagens de sci fi de todos os tempos. Fui na convenção quando ele veio ao Brasil. E ele como pessoa, parecia ser um cara fantástico. Live long and prosper

  22. Obrigado velho amigo por ter feito parte da minha jornada rumo às estrelas.
    Que eu tenha a felicidade de algum dia reencontrá-lo na vastidão do cosmos.
    LLAP!

  23. Trekker, Esse filme e o terceiro eu vou deixar rever mês que vem, senão fico igual…. Agora estou vendo as reprises de TNG (Unificação) no SyFy, e é muito bacana os diálogos do Spock com o Picard e o Data… Uma cena que descontrai é uma cena em um bar do Worf cantando uma ópera Klingon “Aktuh and Melota”…. Muito legal ver ele orgulhoso cantando a ópera…. \// Abraços Trekker!

  24. Nada é pra sempre! Não deixe para amanhã um gesto ou uma palavra para quem lhe é importante, caro e vc ama! – Leia o último poema do Nimoy no Twitter: “- A vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ter acontecido, mas não preservados, exceto na memória”. Muita Saúde e Paz para todos vcs meus amigos Trekkers!!!! \//

  25. Jorge, uma vez eu li que: Quando nascemos, nós choramos e todo muito está rindo e que devemos ter uma vida que na hora da nossa morte estejam todos chorando e nós estejamos sorrindo. Eu acho que ele teve justamente isso.

  26. Putz!…. Agora cê desmontou o véio aqui….. Que palavras lindas Verdão! Há algo de injusto na vida! Quando estamos sábios e plenos a velhice nos definha… Mas é a ordem natural da vida! Vou anotar isso que vc disse e repassar para os mais jovens! Abraços Verdão!!!! ” -Hoje sabemos mais do que ontem…”

  27. Lembro da cena. Mudando de assunto mas falando da mesma coisa: cara, o Khan de Montalban dá de 10000000000 x 0 no Khan do Chumbrebreca. É visceral, latino, quemte. A bosta do Khan de Chumbrebreca é igual picolé.

  28. Hehehe, Trekker! – Você é um “Clássico, Saudosista e Sensualista” da era de ouro de Hollywood!!! Eu também prefiro esses atores da velha escola, mas isso já acabou…. Ainda bem que temos as nossas “infinitas” reprises em nosso acervo caseiro…. Vamos ver o futuro nos reserva em 2016! Ano que vem vai ser importante e decisivo para franquia! Quero estar vivo p ver!!!! (ou sai algo muito bom ou uma K´gada sem medidas…) \//

  29. Fspok, eu vi sua foto no face fazendo a “saudação vulcana” junto exbindo o livro do “Salvador Nogueira & Susana Alexandria”! (O Almanaque de Jornada nas Estrelas) -Mano! na hora lembrei de procurar o meu! Estava perdido nas estantes de minha esposa…. Já coloquei na mesinha de cabeceira e vou reler isso nos próximos dias….abraços!

  30. Òóóóóóóó!!!!! Me chamou de véi, seu véi!!! Huá Huá Huá Huá!!!

  31. Não é um véio! Cê é um “cara clássico”!!! hehehehe…..

  32. Agora num dianta bajulá, pois tô maguadin!!!

Leave a comment

Your email address will not be published.


*