Amazon leva Lower Decks a mercados internacionais

O serviço de streaming Amazon Prime Video anunciou nesta quarta-feira (17) que Star Trek: Lower Decks chegará, finalmente, aos mercados internacionais. Mas infelizmente o Brasil (junto com a América Latina) estará de fora.

Os dez episódios da primeira temporada estarão disponíveis em 22 de janeiro nos seguintes territórios: Reino Unido, Europa continental, Austrália, Nova Zelândia, Índia e Japão. Nosso canto do globo, contudo, foi negligenciado. “Infelizmente, este acordo não inclui Brasil ou outros países da América Latina”, informou ao Trek Brasilis Cecilia Morais, gerente de comunicação do Amazon Prime Video no país.

Do ponto de vista da franquia, o anúncio consolida a percepção crescente de que a Netflix deixou de ser parceira automática para Star Trek após a ida de Picard ao Amazon Prime Video. Também ajuda a explicar a dificuldade da negociação específica para Lower Decks, já que o serviço de streaming quis escolher territórios específicos em que a aceitação à saga é maior (repare os anglófonos Reino Unido, Austrália, Nova Zelândia e Índia, que dispensam até mesmo dublagens ou legendas adicionais). Provavelmente cavando um desconto, o Amazon Prime cobriu com este contrato os principais mercados para Star Trek fora EUA e Canadá (onde a série é exibida, respectivamente, por CBS All Access e canais da Bell Media).

Agora, para os fãs brasileiros, resta saber se há alguma perspectiva para contratos locais com outros meios de exibição ou mesmo uma veiculação pelos canais da própria ViacomCBS em solo nacional.

Be the first to comment on "Amazon leva Lower Decks a mercados internacionais"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*