David B. Tomlinson conta como deu vida a Linus

A série Star Trek: Discovery estreia a terceira temporada em 15 de outubro, com a volta de seu elenco principal e de Michelle Yeoh. Mas outro personagem, que debutou na temporada passada, também estará presente. Trata-se do sauriano Linus.

David Benjamin Tomlinson é o ator que deu vida ao personagem. Ele também encarnou o Klingon Or’eq (“The Vulcan Hello”) e um Kelpiano (Short Trek “The Brightest Star”), na mesma série, antes de fazer Linus.

Or'Eq (2256)

Em entrevista ao site Trek Report, Tomlinson contou que ao saber do papel que iria interpretar, levou muito a sério o fato de se tornar um Sauriano, estudando os répteis e vendo uma breve aparição do primeiro Sauriano em  Star Trek: The Motion Picture, interpretado por Cedric Taporco.

O episódio em que surgiu Linus pela primeira vez foi “Brother” na segunda temporada, e embora a cena fosse uma espécie de alívio cômico, o sauriano ganhou a simpatia da audiência e passou a ter pequenas aparições posteriores.

“Houve muitas risadas; a certa altura, espirrei meus dentes protéticos em uma das tomadas, que você pode ver nos erros de gravação da segunda temporada.

É emocionante ver os fãs se conectarem com o personagem e terem o mesmo tipo de afeto por ele que eu; Sou incrivelmente grato por todo o entusiasmo e apoio.

A melhor coisa de Linus é que interpretá-lo torna mais fácil para minha mãe descobrir quem eu sou na série, ele é muito distinto!”

Mas não foi fácil interpretar um lagarto. A dificuldade começa com a produção da maquiagem. Para o ator, o longo período de maquiagem e colocação de próteses é “emocionante e visceral”. Diz Tomlinson:

“Tornar-me Linus leva de uma hora a quarenta e cinco minutos a duas horas, o que parece muito tempo, mas já me acostumei.

Além disso, estou nas mãos de alguns dos melhores artistas de prótese do setor que cuidam muito de mim e são extremamente divertidos de se passar o tempo, mesmo que sejam quatro e meia da manhã. Demora cerca de meia hora para remover a protética no final do dia e se limpar”.

Natural de Toronto, o ator David Tomlinson ficou fascinado pela comédia de desenho, onde fez alguns trabalhos. Depois mudou-se para o teatro, e executou e dirigiu produções e criou shows por conta própria, quando passou a aparecer na televisão em vários papéis de apoio.

Ao se juntar à Discovery, teceu elogios ao grupo.

“O talento, a camaradagem, o carinho, a cooperação … é um grupo notável de pessoas. É raro encontrar um grupo de pessoas trabalhando em um conjunto tão grande quanto este, promovendo um ambiente de apoio e aceitação, prazer e profissionalismo.

Sonequa [Martin-Green] é surpreendente. Ela é realmente uma líder maravilhosa”.

Enquanto gastava horas na cadeira de maquiagem, ele teve o prazer da companhia de um colega de elenco.

“Doug Jones (Saru) se tornou um ótimo amigo e aliado; quando estamos juntos, estamos constantemente nos abraçando, ou sentados em silêncio juntos, ou prestando apoio um ao outro.

Eu amo estar no set com ele; esses eram alguns dos meus dias favoritos. Ele é um talento notável e extremamente generoso com sua energia, idéias e atenção”.

Image

Usar próteses e maquiagem pesada para encarnar um alienígena é algo desgastante tanto físico quanto mentalmente, mas o ator é grato a Doug Jones por compartilhar seu tempo de cadeira, mesmo que ficasse em silêncio.

“Trabalhar na prótese dificulta a conexão com as pessoas entre as tomadas, porque mesmo uma conversa simples consome muita energia extra que você deseja economizar quando as câmeras estão rodando. Ficar em silêncio com alguém que está tendo uma experiência semelhante pode ser uma coisa poderosa”.

Apesar de todo o trabalho de maquiagem para fazer apenas algumas cenas, Tomlinson sente um orgulho do personagem que trouxe à vida da série original.

“Eu gosto de ter Linus como minha âncora, ele é um ótimo lugar para voltar e continuar a conhecê-lo e explorar quem ele é. Na preparação para o papel … trabalhei com um treinador de movimento para aperfeiçoar sua fisicalidade, e Doug tinha uma visão sábia; tudo se juntou durante as filmagens da infame cena do elevador”.

Quanto a terceira temporada, estamos todos curiosos para saber o que Linus irá apresentar, mas Tomlinson não pode contar muito.

“Estou muito feliz que todos vejam a terceira temporada porque o programa continuou a crescer e evoluir, e está em um lugar realmente emocionante. Obviamente, não posso dizer nada específico sobre o que virá pela frente.

Mas, para aguçar seu apetite em termos do que esperar, deixe-me citar o título de um livro clássico do Dr. Seuss … ‘Oh The Places You’ll Go!'”

Oh The Places You’ll Go! (Oh, os lugares que você irá!) é um livro escrito e ilustrado pelo autor infantil Theodor Seuss. A estória leva o protagonista a uma aventura para ver aonde a vida pode levá-lo. É sobre todos os altos e baixos e a diversão que pode ser desfrutada ao longo do caminho da vida.

No dia 8 de agosto, Tomlinson aparecerá no próximo Con In-House com os colegas atores de Discovery Sara Mitich e Hannah Spear, bem como Michael Krawic.

Be the first to comment on "David B. Tomlinson conta como deu vida a Linus"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*