Site revela detalhes sobre as naves do filme

enterprise.JPGO site The TrekMovie conseguiu obter, através de suas fontes, detalhes sobre algumas naves que surgirão no filme de Jornada nas Estrelas, como a do capitão Robau, dos Romulanos e de Spock. Spoilers abaixo.

De acordo com o site, embora a história refira-se ao encontro dos personagens na Academia da Frota, a maioria das cenas se dará no espaço, tendo as naves como foco principal. Veja que informações o Trek Movie conseguiu sobre algumas delas.

USS Enterprise

Como já era esperado, a área principal da nave a ser vista no filme será a ponte de comando. Cerca de 3/4 das filmagens foram neste cenário. Veremos a nave, primeiramente, sob o comando de Christopher Pike (Bruce Greenwood) e por fim com Kirk (Chris Pine). Em adição a ponte, outras locações da nave também serão mostradas como a enfermaria, os quartos dos tripulantes, corredores, sala de transporte e engenharia. Todos esses cenários foram construídos nos estúdios da Paramount, exceto pela engenharia, que foi montada em cima de uma construção industrial.

USS Kelvin

A Kelvin é uma nave da Federação, de uma classe nunca vista antes. Ela é de uma geração anterior a da própria Enterprise, além de ser menor. A nave está sob o comando do capitão Robau (Faran Tahir), tendo George Kirk (Chris Hemsworth), pai de Kirk, como o seu primeiro oficial. Alguns interiores da nave serão vistos no filme, como a ponte de comando, corredores, enfermaria e engenharia, sendo que a ponte refletirá um design mais antigo que a da Enterprise, e com muito atividade.

Nave dos Romulanos

Como já foi dito anteriormente os romulanos virão do século 24, assim como sua nave. A viagem no tempo será feita por essa nave, que não foi construída necessariamente para esse fim. Ela terá o comando de Nero (Eric Bana). Seu design interior é aparentemente diferente das naves romulanas de A Nova Geração e é dita pela fonte do site ser “surreal”. Não se conseguiu descobrir o seu nome.

A nave de Spock

O site confirma os rumores de que o velho Spock (Leonard Nimoy) viajará através do tempo para o século 23. Mas, ao contrário do que haviam dito sobre o uso do Guardião da Eternidade ou em forma de espírito, Spock fará uso de uma pequena nave vulcana especialmente construída para uma viagem no tempo. Ela terá um único tripulante, o próprio Spock. No filme serão vistos apenas sua ponte de comando e um “núcleo do tempo”. O nome da nave é desconhecido e pode ser que nem venha a possuir um.

De acordo com o site, outros cenários de naves também foram construídos para pequenas tomadas, como a nave auxiliar médica vinda da USS Kelvin, uma nave de transporte no tempo de Academia de Kirk, a ponte de comando de uma nave da Federação para simulação do teste do Kobayashi Maru (uma Kelvin alterada).

Segundo a fonte do Trek Movie, outras naves aparecerão no filme e que foram construídos mais cenários interiores do que em qualquer outro filme da franquia, sendo que todas as naves serão únicas, com designs próprios, como a Kelvin e a Enterprise.

As informações acima, a princípio, serão consideradas como rumores.

Fonte: Trek Movie

38 Comments on "Site revela detalhes sobre as naves do filme"

  1. Bob e Orci tem um mau gosto para nomes… Parece até o George Lucas que inventou o Capitão Panaka, Conde Dooku, e o meste Jedi Sifodias

    Realmente não gostei:

    Capitão Robau (que diabos de nome é esse? Não deveria ser árabe? e como se pronuncia? Robô?? Nos vamos chamá-lo de “Capitão Robô?” Que isso?, um produto de Soong ainda não descoberto? Irmão do Data? 🙂

    Nero – precisa dizer mais? Ave César! Romulano com nome romano.. vai saber…

    USS Kelvin: Não gostei do nome, mas tem um propósito. Pesquisei no wiki e descobri que é o nome de um rio perto de Glagow, Escócia

  2. Luís Henrique Campos Braune | 28 de maio de 2008 at 10:36 am |

    Nomes são só nomes… mas achei interessante a colocação do amigo, tem certa lógica… o importante é o design…

  3. "Frank" Hollander | 28 de maio de 2008 at 10:37 am |

    A USS Kelvin deve aparecer em atuação conjunta com a USS Aroldo. Por fim, o filme talvez não passe de uma brincadeira imaginária de uma criança de 5 anos. 😉

  4. tambem nao gostei dos nomes

    pelo menos George Kirk é oficial da frota, como nos livros de jornada

  5. Isso talvez explique os orelhudos carecas, será que eles estarão enfrentando algum tipo de doença que causa calvície em massa…? Se for isso, deve ser algo tão fulminante que nem implante de cabelo é capaz de resolver… Eu me recordo de uma frase de um filme,”o futuro muda quando se olha para ele”… quais serão os impactos na linha de tempo após esse filme…?

  6. Pelo menos veremos naves com outras finalidades, como a shuttle médico e uma de transporte de civis provavelmente. Isso enriquece mais a franquia, dá uma amplitude maior do universo de Jornada, como ele realmente deve ser.
    Os nomes são realmente meio estranhos. Para o capitão árabe bastaria consultar uma lista de nomes. Eu mesmo achei um monte como Adyan, Ayman, Hammad, Harith, Mazhar, Rahman, Yasir e etc.
    Mas eles devem ter suas razões.
    Acho que kelvin poderia ser uma homenagem ao irlandês William Thomson, o Lorde Kelvin.

  7. Ralph:

    Também descobri que o título de “Barão de Kelvin” foi dado em homenagem ao rio. William Thomson, físico britânico, era detentor desse título (Lorde Kelvin)

  8. Finalmente informações…tava na hora!!!

    Aquela nave com turbinas que mostraram aqui há pouco tempo em um tipo de indústria deve ser a tal nave de transporte dos tempos de Kirk na Academia.

    E como eu já suspeitava, a baboseirada de viagem no tempo com naves vai acontecer…que Deus nos ajude!!!

    Mas o nome Nero me agrada. É só vermos TOS onde a “influência” Romana é clara na cultura Romulana.

  9. Então a coisa se encaixa, Tomalak. Talvez seja isso.

    E quanto aquela nave de botões e alavancas que aparece nas gravações numa indústria? Seria essa a de finalidade médica?

    Agora o que me deixa a pensar é essa nave vulcana do tempo. Os vulcanos já vinham pesquisando uma forma de viajar no tempo? Mas eles não eram contra a teoria de viagem no tempo? Como Spock ficou sabendo e pegou essa nave? Aí fica contraditório, porque se ele ficou sabendo do Nero, deveria estar em Romulus e se pegou uma nave vulcana do tempo, deveria estar em Vulcano.
    Vão ter de explicar melhor isso.

  10. Acho que a nave que apareceu nas fotos é a referida “nave de transporte no tempo de Academia de Kirk”, no artigo acima.

    Outra coisa que gostaria de acrescentar, é que um internauta que participou da exibição dos bonecos no início do ano, disse que a nave romulana parecia um “polvo dourado”. Isso se encaixaria nesse design surreal referido.

    “polvo dourado”. Mais carnavalesco impossível. Quem fez o design, Joãzinho Trinta? (risada sarcástica).

  11. Maria da Conceição G. Simões | 28 de maio de 2008 at 2:54 pm |

    Meninos, como vocês são ferinos !!!!!!!!!!!!! Calma, vamos ver primeiro e depois “metemos o sarrafo”. Também não gosto de tanto mistério, mas acho que na hora H metade do que foi ventilado não vai acontecer, porque temos a edição do filme, que muitas vezes corta tomadas inteiras. Quanto aos nomes, são detalhes, vai ver que eles não querem que se sejam associados a outras pessoas. Quanto ao nome Kelvin está certo, a temperatura não é medidas em Kelvins? Principalmente no espaço que chega a quase 0 Kelvins, estou errada? Daí a homenagem ao cientista, não pode ser ?
    Vida Longa e Próspera para todos.

  12. Luiz Castanheira | 28 de maio de 2008 at 3:05 pm |

    Esta mini nave temporal Vulcano foi dose… Vai ver que foi inspirada no episódio final de Voyager. E nave romulana (sic!)… Surreal. Isto é sério?

    Podem ir acendendo uma vela para o caboclo Sybok que a coisa está feia.

    Oh Boy!

  13. post 9. “… Acho que a nave que apareceu nas fotos é a referida “nave de transporte no tempo de Academia de Kirk”, no artigo acima….”

    Acho q

  14. post 9. “… Acho que a nave que apareceu nas fotos é a referida “nave de transporte no tempo de Academia de Kirk”, no artigo acima….”

    Acho que não Tomalak, porque essa nave transporte do tempo de Academia é recente e a nave da foto parece ser de estilo antigo, além do mais pelo artigo acima a nave é do tempo da Kelvin, provavelmente umas dezenas de anos antes. Então a nave médica é antiga também.

    Mas como disse a Conceição, é bem possível que nem tudo que foi ventilado aqui seja verdadeiro ou pelo menos seja distorcido.
    Me lembro que um outro rumor do IMDb dizia haver um figurante fazendo um alien kelvin. Vai ver que eles ouviram o nome e entenderam outra coisa.

  15. A USS Kelvin foi construída junto com a USS Celsius oras…. hehhehee
    Se for com um design legal, que mal faz?
    Quanto a designs surreais.. eu dou meu apoio. Tem que ser exótico mesmo. Tem que parecer bem diferente, alienígena. Pode ser até na forma de um brócolis…. heheehhe

  16. Como levantou o amigo acima,

    “Quais serão os impactos na linha de tempo após esse filme…?”

    Acho que essa é a chave para qualquer mudança que venha a acontecer na franquia. Seja para novas séries, filmes.. etc. Não acredite em um reboot ou algo assim, mas esta é a desculpa perfeita para mudarem o que quiserem, ou mesmo inventarem algo que não constava no cannon de jornada até agora.

  17. Viagem no tempo, nave pequena….hummmm…parece o último episódio de voyager.

  18. Tem que ser ter MUITA boa vontade pra aguentar QUALQUER história envolvendo viagem no tempo, pra mim é falta de competencia, além do mais mostrando personagens que a gente já conhece. Vou acabar gostando do novo filme, porque já estou esperando que ela seja uma droga.

  19. É pessoal vamos enumerar os fatos e fazer o somatório !

    1 – Uma Enterprise sendo construida em solo +
    1 – Uma Kelvin antegior a Enterprise (a deles ou a atual ?) +
    1 – Um minishuttle a lá Voyager End Game (tá na cara que foi roubado ! Ainda mais a academia vulcana de ciências não acreditando em viagem temporal); +
    1 – Uma nave Vulcana em forma de polvo dourado (não seria uma lula – um acordo dos Romuilanos com a Specie 8472 tá na cara !) +

    1 – Um veículo retrô de transporte de academia (cadê o teletransporte ? Archer não veio antes e já tinha ?) =

    5 BATEU !!!

    Porquê ???

    Babylon 5 !!!

    Só lá tinha esta miscelânia de loucuras !!!

    5 !!!

  20. HaHaH uma nave romulana surreal lembrando um ”polvo dourado” ? Estou com medo disso!! =D
    Sobre o Spock voltar em uma pequena nave vulcana, por mais que isso lembre a nave da Janeway em ‘end game’, eu ainda considero aceitável já que poderia ser muito pior! O pessoal do forum mesmo sugeriram possíveis formas de trazer o Spock do futuro bem mais cabeludas e surreais que esta, e já que o filme terá mesmo viajens temporais que seja de forma relativamente ‘simples’ para não desagradar ainda mais quem está já de saco cheio destas viagens! Sei que muitos estão…
    Resta saber como e onde Spock conseguirá esta nave. No mais, não vi nenhum problema sério nestes rumores, já que não podemos julgar o design da nave romulana baseando-se em um comentário particular de alguém =]
    Só acho que os nomes poderiam mesmo ser melhores!

  21. Post 17: “(…) 1 – Uma Enterprise sendo construida em solo”.

    Foi confirmado posteriormente que a nave não será constrída em solo, só algumas partes dela! A cena do Teaser foi mesmo para promoção do filme e não faz parte do mesmo.

  22. Oops!!! Constrída = construida.

  23. "Frank" Hollander | 28 de maio de 2008 at 10:58 pm |

    Acho que Spock irá até o império Klingon e procurará um jovem cientista chamado Koroth que está desenvolvendo um protótipo de um tal de chrono-defletor…

    Brincadeiras a parte, as especulações dariam uma bela trama para os episódios de B&B que devem estar rolando de rir disso tudo.

  24. post 18 – “HaHaH uma nave romulana surreal lembrando um ”polvo dourado” ? Estou com medo disso!! =D”

    O filme trata de um crossover entre Jornada nas Estrelas e a DC… Na verdade, esse polvo dourado não é nada mais nada menos que a nave do Brainiac, andróide inimigo do Superman.

    Só que ele resolveu aparecer disfarçado de capitão “Robô”.

  25. Minha maior preucupação é com relação a USS Enterprise. Será que ela aparecerá ainda com aqueles botões quadrados e coloridos, com aquelas portas cor de laranja e aquela poltrona quadradona?? Ou será que ela terá um designer mais parecido com a ponte da NX-01 ? Eu espero que seja alguma coisa um pouco mais atual. Quanto as viagens no tempo… puxa…isso é realmente preucupante. Acho que deveriam ter um pouco mais de imaginação.

  26. O post 16 falou tudo! CHEGA DE VIAGEM NO TEMPO! O cinema está ABARROTADO de viagens no tempo. Pouquíssimas boas e a maioria uma grande porcaria!

    Parece que não existe necessidade de usar bem o tempo que é dado a cada um: BASTA VOLTAR NO TEMPO E PRONTO! CONSERTADO TUDO.

    First Contact é um exemplo: Eu ainda não entendi porque os Borgs foram ateeeeee a Terra, tomar chumbo, pra voltar no tempo. Bastaria voltar no tempo longe de uma nave da frota e mudar tudo, sem perder cubo, nem esfera, nem rainha…

    Se o Nero falhar em sua missão: Sem problemas! Mande outro em seu lugar! Se a Humanidade acabar, basta voltar e consertar! Se o Dominon vencesse a guerra… sem problemas Mr. Sisko: Pegue uma nave super avançada do futuro distante, volte no tempo e meta chumbo neles.

    Ficou tão comum viajar no tempo em jornada que qualquer um poderia voltar e mudar, sem problema algum… não existe problema se cometer erros, basta voltar e consertar, nós sequer precisamos aprender como não cometer os erros do passado pra conduzir nossas ações no futuro, basta voltar e corrigi-los no passado mesmo.

    Como eu já disse em outros post… jornada tem muito a mostrar no tempo que lhe é dado.

  27. Meu desabafo foi claro?

  28. Hehehe… Mais ainda assim não perderia o próximo Jornada por nada! Nem mesmo se falassem que o diretor naul era o J.J., mas sim B&B disfarçados… contando que não fosse um filme baseado em Voyager…

  29. Este tema, “Viagens no tempo” ja deixou de ser interessante… Veja Enterprise por exemplo.. quem não cansou de ver a trama envolvida nisso. Perdeu até a graça. Como já falaram ai, torna o universo inconsistente.
    Porem tem uma coisa…… o cara que esta fazendo o filme, JJ Abrams, não tem deixado muito a desejar nos seus ultimos trabalhos… vide Lost, Cloverfield, Missao impossivel 3…. A uma chance de sermos pegos de surpresa por uma história convincente..

  30. Olha, eu estou apoianda o J.J. desde o começo…

    Mas viagem no tempo não dá!!!! Por que não faz um reebot de uma vez e pronto, sem lenga lenga de viagem no tempo. O fracasso de Enterprise está ai para provar…

    Imagina se no piloto da BSG, os cylons do futuro voltassem no tempo, para tornar os cylons do passado mais humanos, alterando a linha do tempo. Imagina se fosse utillizado isso para justificar todas as alterações, olha a salada de fruta!!

    Se é para fazer reebot, faz e pronto. Não vem com palhaçada de viagem no tempo.

  31. Essa jornada de JJ tá mais para mistura de De Volta para o Futuro com Exterminador do Futuro.

    Eu semprei achei mal elaboradas as viagens no tempo de Jornada. Olhem como foi utilizado nos episódios de TOS e no filme IV. Se é tão fácil assim, por que nao ficam voltando no tempo a toda hora? Enterprise então nem se fala, foi uma lenga lenga naquela guerra fria temporal que matou a série.

    Tomara que JJ supreenda com uma boa história. Mas pelo rumo das coisas (Romulanos e viagem no tempo), cada vez mais estamos caminhando para um péssimo roteiro (alguém esqueceu que foram eles que elaboraram o roteiro de “transformers” que de inteligente não tinha nada?).

    A única coisa que me deixa com a pulga atrás da orelha é a participação do Nimoy, que garantiria um filme de qualdiade, pelo menos teóricamente.

    O negócio é esperar.

  32. Kelvin é o nome de um dos mais importantes físicos do século XIX (lembram-se da escala de temperatura Kelvin), além de ter sido um grande empreendedor (foi o primeiro a tentar ligar a Inglaterra aos Estados Unidos por meio de um cabo telefonico submarino
    Kelvin vem do título de Lord Kelvin.

  33. Os nomes, de certo modo carregam a natureza e o carateter do personagem, como diz um amigo, os produtores teem lá seus motivos para nomes fora dos padrões, ou muito batidos (como Nero). Eu só lamento a franquia estar caminhando para uma banalização dos conceitos pioneiros de Jornada nas Estrelas, conceitos esses que perduraram na série clássica, em alguns dos filmes, desenhos e um pouco da nova geração. A franquia pode estar acabando se os diretores e produtores forem escolhidos por nomes e fama e não por afinidade com o Universo trekkie.
    Ja vi, não sei exatamente onde, que os produtores (não todos) e atores só tiveram contato com Jornada nas estrelas bem depois. só não sei se realmente imergem nesse universo, senão, nem deveriam atuar.
    Vida Longa e Próspera!

  34. O colega falou de um ponto interessante.

    Acho que não precisa ser “trekker” de carteirinha, para trabalhar no filme. Mas deve sim capturar sua essência (algo que Berman e Braga deixaram a desejar muitas vezes).

    Levando em consideração isso, eu penso nos seguintes dados, de quem é trekker e quem não é, que estão fazendo o novo filme.

    Roteiristas: apesar dessa lambança, Roberto Orci mostrou ter bastante conhecimento sobre a franquia (resta saber sobre a “essência”) em todas as suas entrevistas no TREKMOVIE.

    JJ Abrams: para mim, Abrams não é trekker, apenas gosta de SCI-FI em geral.

    Pegg (Scotty): bastante trekker. Pelo jeito, viu inclusive Voyager (citou a 7 de 9 em alguma entrevista).

    Urban (McCoy): mais de uma vez demonstrou seu conhecimento em relação à franquia. Acho que entende bem os significados do personagem McCoy. Estou ansioso para ver sua interpretação.

    Yeltin (Checov): o que tem menos conhecimento de todos. Demonstrou não saber nada sobre ST. Suas entrevistas sobre a serie foram um monte de bobagem. Acho que chegou a ver os episódios mas não entendeu nada, deve ter prestado atenção só nos efeitos e visto como são toscos. Muito novo, só 17 anos.

    Pine (Kirk): Parece estar um pouco perdido. Não parece conhecer ST. Vai basear sua interpretação em Han Solo.

    Quinto (Spock): aparentemente está familirizado com o personagem.

    Pike: Parece ser um cara bastante profissional, todos os filmes que eu vi ele atuou bem. Para mim ele não precisa nem ter visto nenhum episódio de ST, basta dar as caracteristicas psicológicas do Pike que ele interpretará perfeitamente.

    Estas são só algumas observações.

  35. Como foi comentado no post 30, realmente, se você quer fazer algo novo, não misture viagem no tempo pra justificar, comece do zero! Senão, as contradições com as versões anteriores acabam ficando piores e aí trava tudo! Ou se começa de novo ou se dá uma continuidade do material que existe há mais de quatro décadas, né? Mas, como não se pode chorar o leite derramado e não somos nós os roteiristas e o filme já está em fase de pós-produção e edição, vamos torcer para que o mesmo não frustre nossas espectativas! E, aqui entre nós, será que não confundiram o universo “Jornada nas Estrelas” com “O Túnel do Tempo”, heim? O filme certo pra fazer esse tipo de viagem é neste último! Imaginem vocês, no espaço infinito, podendo ir aonde nenhum homem jamais esteve, explorando novas civilizações (aqui eu peguei emprestado, heheheh) e vocês vêem aquela imensidão do espaço profundo com zilhões de estrelas e, aqui, uma crítica: o que eu mais vi em Star Trek, desde a série antiga até a mais atual, com excessão de apenas uma história, foi essa sucessão de viagens temporais; mais: os episódios que mais me aborreciam eram aqueles onde a tripulação sempre aparecia num planeta igual a Terra, quando não voltavam na mesma, com direito a faroeste, gangsters, nazistas, Alice no país das maravilhas (aquilo foi ridículo) e o tema era explorar novas civilizações. Virava e voltava, lá estavam as naves em volta de alguma Terra. Parece que o que mais tem no universo são mundos semelhantes ao nosso, né? Até parece!!! Desculpem o desabafo, sei que o orçamento influencia mas, com alguma criatividade se contorna muita situação! É má vontade mesmo e desrespeito com Jornada! Temos que ser surpreendidos, assim como fomos em 2001, uma odisséia no espaço! Como disse o crítico para o mestre Remi, em Ratatouille, quando pede ao maitre uma prova da boa cozinha franceza: “Me surpreenda!”

  36. Caramba! Vai ter um monte de nave! LEGAL!!!!

  37. E mais, com um elemento clássico da série, viagem no tempo! Tirar viagem no tempo de star trek é o mesmo que tirar a capacidade de Bruce Wayne de se sentir deprimido, mesmo tendo um carro maneiro, as melhores gatas e muita grana. Muita gente pode não gosdtar, mas faz parte… E de qualquer forma sabemos que os fundamentalistas iriam reclamar se não houvesse uma volta ao passado.

  38. Eu concordo sobre uma coisa que pode afetar os roteiristas, “é muito mais fácil escrever sobre o passado do que sobre sobre o futuro!”
    O fascínio sobre viagem no tempo afeta a todos, imaginar voltar no tempo e consertar o nosso passado…. Mas o difícil é manter o raciocínio de paradoxo temporal, em geral fica mesmo maçante e desinteressante porque se perde muito tempo (perda de tempo em paradoxo temporal ha,ha …) tentando explicar ao espectador o porque dos acontecimentos, isso porque as coisas não acontecem de forma linear e voltar e avançar no tempo é confuso, e o tema de volta no tempo muda de lógica de diretor para diretor, veja exemplos de Volta-para-o-futuro, Á máquina do Tempo e até mesmo á comédia Austin Power contra-o-homem-de-membro-de-ouro e outros….
    Isso faz uma babel de teorias e cada uma com seu ideal de como fluir o tempo, e se dá mais ênfase á isso que ao roteiro, e em geral no final eles inventam uma conclusão absurda ou ridícula por vale tudo né? Existem ficções que são fieis á teorias da relatividade e respeitam esses paradoxos, mas isso não a meu ver não é necessário no universo de Star Trek. O fato é que o universo de Gene Roddenberry é tão rico que não se precisava de viagens no tempo, basta que se voltar aos ideais dele que as idéias aparecem.

    Eu só tenho receio de que esse filme vire um Triller/Suspence SciFi se for feito no esquema de Lost, eu vi as 2 primeiras temporadas e se perde tanto tempo em enrolarão sobre os personagens que tira o interesse no filme, se eu quiser saber detalhes da vida de alguém eu vejo os extras do DVD ou compro revista sobre celebridades.Tem um vídeo explica as 3 temporadas de Lost em 8 minutos e 15 segundos! http://www.youtube.com/watch?v=oDblU989lD8 isso mostra quanta linguiça eles encheram e 3 temporadas!
    Imagina á cada 15 minutos de filme algum personagem re-lebrar sua infância ou fatos passados??? Vai ficar igual á novela da globo, demora um ano drama pra no último captúlo o bandido morrer, o mocinho herdar um Mega-Império ficar rico e casar todas as encalhadas do bairro (he,he,he…)

    A meu ver, a perda de foco sobre o Universo de Star Trek é o que afeta as últimas produções, o universo de Star Trek é muito rico e tem muita coisa ainda á ser desbravada, podiam pegar a deixa de Voyager que retornou do quadrante delta e explorar o resto da galáxia, talvez aprimorar a tecnologia de Trans-Dobra dos Borgs e até sair da galáxia sem perder 100 anos viajando… Visto que tem tanta descoberta interessante sobre o universo atual como a matéria-escura, propulsão iônica e outras, só precisa contratar gente antenada com o presente da ciência e sobre estudos recentes para dar uma guinada em roteiros inteligentes e criativos que anda meio escasso em Hollywood.
    Volta no tempo é uma maneira fácil de fazer re-make em cima da criatividade dos roteiristas de Star Trek dos anos 60. Desde o final dos anos 80 os remakes voltaram com toda, veja os heróis Marvels, daqui uns anos vão acabar os heróis dos quadrinhos para fazer filmes, heróis estes criados na década de 40 !!!

Leave a comment

Your email address will not be published.


*