• Joel Silva

    Seria muito bom se o serviço fosse lançado no Brasil. Não somente pela qualidade, disponibilidade e confiança que só quem produz pode oferecer. Nem também somente pela ética. É que, sabendo que a prosperidade da série depende da recepção dos fãs e do público comprar a ideia, não me incomodaria nem doeria nadinha pagar uma pequena mensalidade. Seria um prazer!

  • AJVERDE

    Só espero que tenhamos acesso aqui pelas terras tupiniquins.

  • FSPOK

    O único porém é que ao mesmo tempo em que estarão exibindo o primeiro episódio do novo Star Trek na tv …estaremos também assistindo ao processo PARAMOUNT CBS- AXANAR que está escalado pra re iniciar em 2017 , exatamente em janeiro e cujo cronograma foi divulgado no face book pelo fundador da Axanar Studios, Alec Peters:

    • 8 Jun 2016 – Last day to add parties – John Does

    • 28 Oct 2016 – Cutoff for Discoveries

    • 18 Nov 2016 – Expert Disclosures – Initial

    • 16 Dec 2016 – Rebuttals to Expert Disclosures

    • 27 Jan 2017 – Discovery cutoff

    • 13 Feb 2017 – Motions due

    • 24 April 2017 – Pre-trial Readiness Conference

    • 9 May 2017 – Trial begins
    Fonte: facebook – Axanar group

  • Trekker

    Fan que é fan, paga. Eu pagaria numa boa.

  • Maurício Monteiro

    Não entendí essa: “Acredita-se que Star Trek irá funcionar por somente 13 episódios”??? Como assim? Treze temporadas, no mínimo… Quebra essa, Paramount/CBS; já ficamos muuuuuito tempo sem Jornada.

  • Mario Gomes

    Cada temporada 13 episódios. Bom.
    Só gostaria que fosse liberado em lote, um a um vai parar na metade se não tiver retorno cada episódio.
    Em lote também é bom para quem assiste, pois eu adoro encarar uma maratona de uns 3 ou 4 por noite.