Stewart se diz incapaz de discutir assuntos científicos de Jornada

Patrick Stewart atuou como mestre de cerimônias nos Prêmios Científicos e Técnicos anuais da Academia que aconteceu na Beberly Wilshire, em Beverly Hills, esta semana. Mas apesar de Stewart ter interpretado um capitão de nave do século 24 por muitos anos, o ator revelou que a tecnologia de Jornada (a technobable) não era seu ponto forte.

Alguns poderiam pensar que a experiência anterior de Stewart a bordo da Enterprise poderia colocá-lo à vontade numa sala cheia de “geeks e nerds”, mas o ator confessou, que nunca entendeu sobre a ciência de Jornada.

“Meu jantar (do evento) foi gasto em grande parte sendo questionado sobre as diferenças de resolução entre a tela da classe Galaxy e as visualizações da classe Constitution”, brincou. “Bem, eu simplesmente respondi, educadamente – não sei de que diabos você está falando – a verdade é que eu não saberia a diferença entre uma violação do núcleo de dobra e o continuum do espaço tempo se eu me deparasse com eles”.

Stewart pode não estar tecnicamente inclinado a saber technobable, mas ele conhece bem Shakespeare. Quando Jonathan Erland recebeu o Prêmio Gordon E. Sawyer , “que reconhece extraordinárias contribuições tecnológicas para o setor cinematográfico”, Erland disse que “a arte e a ciência estão unidas”.

“Ocorreu-me que outro inglês escreveu algo uma vez, o que talvez seja apropriado para este evento”, disse Stewart. “Ele não sabia que seria, é claro, porque ele viveu há quatrocentos anos”.

Citando Shakespeare, Stewart disse: “Se nós, sombras, os ofendemos, pensem um pouquinho e verão que não queremos! Vocês apenas tiraram uma soneca, enquanto apareciam estas visões.” [O sonho de uma noite de verão ]

https://www.youtube.com/watch?v=Yp0hNP_Lh0k

Fonte: TrekToday

Be the first to comment on "Stewart se diz incapaz de discutir assuntos científicos de Jornada"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*