A série baseada no personagem Jean Luc-Picard é uma das mais aguardadas pelos fãs, após o anúncio feito pela CBS. Mas pouco sabemos a respeito dela e nem sequer tem um título. Agora temos mais alguns pequenos detalhes sobre a série, graças a um dos produtores executivos.

Como todos sabem, a série contará como protagonista Sir Patrick Stewart voltando ao seu papel em A Nova Geração, Jean-Luc Picard. Mas há pouca coisa que sabemos, já que foi dito que ainda está nos seus primeiros estágios de desenvolvimento.

Desde que foi anunciada, os fãs tentam descobrir exatamente qual seria a trama da série e quando exatamente ela estaria ocorrendo. Agora parece que podemos ter uma resposta para essa segunda pergunta.

Um dos produtores executivos, Michael Chabon, que também participa das atividades na sala de roteiristas recém-formada, usou novamente sua conta no Instagram para revelar mais sobre o projeto, incluindo o período de tempo em que se situa a série dentro do universo Star Trek.

Em relação à definição da linha de tempo da série, a postagem no Instagram de Chabon afirma:

“Então, nós terminamos nossas duas incríveis semanas na sala dos escritores # space2999, e acho que todos os 99 que estão por aí vão realmente “entender” o que planejamos.”

Chabon também usou uma imagem da série de ficção científica dos anos 70 Espaço: 1999 para enviar sua mensagem sobre o cenário “99” da série.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A última vez que vimos Picard foi no filme Star Trek: Nemesis que acontece no ano de 2379. E como sabemos, a série se passa vinte anos após o filme.

A citação a “Space 2999” talvez seja uma referência ao ano da série de Picard como sendo 2399. Portanto, isso colocaria a série no final do século 24, abrindo um leque de situações novas, novas histórias.

Mas não sabemos se alguns eventos ocorridos nas séries anteriores e até mesmo no filme de JJ Abrams serão levados em conta na trama que envolve Picard.

Se quisermos olhar para o universo estendido, a série em quadrinhos Star Trek: Countdown, que precede o filme Star Trek de 2009, estabeleceu Jean-Luc Picard como o embaixador em Vulcano no ano de 2387, com Data (ou B-9) ressuscitado e sendo o capitão da USS Enterprise. Embora os quadrinhos não sejam oficialmente canônicos, Alex Kurtzman participou como consultor, e claro que Kurtzman é o produtor executivo da série Picard.

Também no cenário do filme Star Trek 2009, o planeta Romulus é destruído por uma supernova, no mesmo período de Countdown.

Alguns futuros alternativos também poderiam servir de base para a trama, como por exemplo: o episódio “Timeless” da série Voyager, onde vemos Harry Kim sendo perseguido pelo capitão Geordi LaForge em 2390. Também vimos uma versão de Picard em meados de 2390, no episódio final de A Nova Geração “All Good Things”, onde Picard aparece aposentado na Terra e as relações com os Klingons se tornaram hostis.

Se você quiser considerar ainda a série Enterprise, o arco da Guerra Fria Temporal estabeleceu que a Federação cresceu no século 26, incluindo os klingons como cidadãos da Federação e tendo até uma Enterprise-J.

A próxima dica que ele deixa é “Metamorphs”. Na mesma mensagem do Instagram, Chabon acrescenta:

(Dica: Metamorphs! Mas você não ouviu isso de mim.) [Nota: este post foi certificado livre de dicas e/ou spoilers da Federação de Padrões da United Bureau of Planets Measurement]

Aparentemente, podemos pensar nos transmorfos que comandam o Dominion e o Grande Elo em Deep Space Nine, mas Chabon aparentemente já descartou isso. Um fã perguntou se sua dica tinha algo a ver com Odo e o escritor respondeu “não” nos comentários em seu post no Instagram.

Se considerarmos alguma relação com Espaço 1999, a personagem Maya foi uma metamorfo adicionada ao elenco principal na segunda temporada. Ela tinha a capacidade de se transformar em algo orgânico por uma hora.

Vamos aguardar por mais novidades.

Fonte: TrekMovie