TAS 1×06: The Lorelei Signal

A tripulação da Enterprise é atraída pelo canto da sereia

Sinopse

Data Estelar: 5483.7: a USS Enterprise ruma para uma região do espaço em que diversas naves da Federação desapareceram nos últimos 150 anos. O fato ocorre a cada 27,346 anos estelares. Ao chegar no setor em que ocorreram os desaparecimentos, o capitão Kirk ordena que a nave entre em alerta amarelo. A tenente Uhura detecta um tipo de sinal de rádio subespacial. A mensagem soa como música.

A nave é sondada por um sinal originário do sistema taureano a 20 anos-luz de distância. Kirk, Spock e Scott interpretam o sinal como um chamado, mas Uhura discorda. O capitão altera o curso e a Enterprise parte em dobra 7. Percebendo que o sinal provoca alterações no efetivo masculino da nave, Uhura convoca a enfermeira Christine Chapel à ponte.

Cada tripulante masculino interpreta o sinal de uma forma. Spock percebe um tambor vulcano de casamento e Kirk uma bela mulher, visões provocadas por sugestões audiovisuais. Uhura e Chapel são imunes aos efeitos da sonda alienígena. O dr. McCoy é chamado à ponte, mas não responde por também estar experimentando alucinações. Ao chegar ao planeta Dois do sistema taureano, o engenheiro Scott assume o comando da nave enquanto o capitão Kirk e um grupo de busca investigam o planeta. Os sensores indicam que uma grande civilização habitou o planeta, mas as leituras de vida são esparsas e concentradas.

Kirk, Spock, McCoy e o tripulante Carver investigam o planeta. Construções de uma raça avançada cobrem a superfície. A equipe se sente atraída por um templo, mas Spock sugere que mantenham distância até que possa determinar a extensão da influência, mas Kirk ignora a advertência.

Os tripulantes encontram um grupo de belas mulheres chefiadas por Theela, a Fêmea Líder, que os saúda por seus nomes. Utilizando o tricorder, Spock determina que, apesar da forma humanoide, elas possuem várias diferenças internas, seus corpos funcionam num nível psicocinético incomum.

Theela sabe os nomes dos tripulantes por meio do opto-aud, um aparelho ativado pelo som de sua voz. O lugar é a resposta aos sonhos de todos os homens por sua beleza, revela o capitão em seu diário de bordo. Ele e o grupo são convidados para um banquete. Kirk nota a ausência de homens e Theela informa que são alojados em outro complexo. Um a um, os tripulantes desmaiam vítimas de drogas, enquanto Theela derrama uma lágrima. O grupo desperta em um quarto de repouso envelhecido dezenas de anos e portando diademas impossíveis de serem removidos.

Na Enterprise, a enfermeira Chapel e Uhura analisam os dados coletados pelas equipes científicas femininas da nave. Os resultados indicam que homens a bordo sofrem de grande debilidade, causada por uma sonda localizada no planeta. A tenente Uhura assume o comando da nave e ordena que um destacamento de oficiais de segurança mulheres seja designado para cada sala de transporte.

No planeta, Theela nega o pedido de Kirk e Spock para retornarem à Enterprise. Ela revela que em breve todos os homens da nave se juntarão a eles. Ao tentar deixar o planeta, Kirk e a tripulação são detidos pelas mulheres, que demonstram grande força física.

Uhura notifica Scott que está assumindo o comando e atribui a Chapel a função de Oficial Médica Chefe. McCoy ainda está em posse de seu equipamento médico. O doutor injeta cortropina, um potente estimulante, em todos. Spock consegue desativar a trava magnética do quarto de repouso onde estão sendo mantidos prisioneiros, mas sua fuga do templo não é despercebida. Um grupo de mulheres parte em perseguição. Kirk e os demais conseguem se esconder em uma urna no jardim do complexo.

Quando as mulheres estão próximas, os diademas brilham intensamente. Spock conclui que são condutores polarizados e transferem a energia dos homens para as mulheres. O envelhecimento é de dez anos por dia. Em quatro dias estarão mortos. A Enterprise precisa ser alertada para que ninguém mais desça ao planeta. Spock é a escolha óbvia por sua expectativa de vida mais longa.

Com o auxílio do opto-aud, Spock descobre onde os comunicadores estão sendo mantidos e contata a Enterprise. Antes de ser capturado, ele consegue contatar a tenente Uhura e solicitar uma equipe de resgate composta apenas por mulheres. Uhura lidera um grupo de busca acompanhada de Chapel. Elas são recebidas com hostilidade por Theela e suas companheiras, mas são facilmente detidas por feisers em tonteio.

A tenente ordena que o templo seja vasculhado, mas não encontram ninguém. Spock se comunica mentalmente com Chapel e a conduz ao quarto de repouso. Uma forte chuva começa a cair, inundando a urna onde estão Kirk, McCoy e Carver.

De volta à nave, Chapel remove o diadema de Spock. Debilitado, ele instrui que toda a energia da nave seja redirecionada para os escudos, bloqueando a influência sofrida pela tripulação masculina. No planeta, Uhura ameaça destruir o templo caso o capitão Kirk e seus homens não sejam libertos. Intimidada, Theela revela a verdade. A raça da qual descente ocupou o planeta quando sua terra natal começou a morrer. Seus antepassados construíram o templo e tudo ao seu redor. Mas não sabiam que o local drenava a energia vital de humanoides. As mulheres desenvolveram uma secreção glandular que as permitiu sobreviver e manipular áreas do cérebro masculino, influenciando suas emoções. Mas eles são drenados de sua força, enfraquecem e morrem. A cada 27 anos elas precisam se revitalizar, ou morrem.

Através do opto-aud, Theela localiza o capitão e os outros, com o nível de água da urna quase os cobrindo. Com um disparo de feiser, Uhura destrói a urna libertando Kirk, McCoy e Carver. Na enfermaria, as tentativas de Chapel de neutralizar o envelhecimento falham. Spock teoriza que os transportes podem ser utilizados para esse efeito, uma vez que seus padrões foram armazenados. O plano é bem sucedido e todos recuperam sua juventude. Cumprindo um acordo firmado com Kirk, Theela destrói a sonda que causa debilidade aos homens. Ela é informada por Uhura que uma nave com tripulação feminina retornará ao planeta e ela e suas companheiras serão realocadas em um planeta adequado.

Comentários

Em cinema e televisão, a elipse é a supressão de eventos não essenciais à história para dinamizar a narrativa. No episódio temos um mau exemplo do uso da elipse quando Spock utiliza o opto-aud para encontrar os comunicadores. Apesar de estar envelhecido, ele não mostra estar debilitado. Na cena seguinte, quando contata a Enterprise pedindo auxilio, ele se arrasta no chão, quase sem forças.

O episódio é uma das poucas ocasiões em que a tenente Uhura teve destaque em uma história. Tanto na Série Original quanto na Animada, são raras as circunstâncias onde a tenente, Sulu ou Chekov protagonizam a narrativa, tendo o alferes russo não participado dessa versão de Jornada nas Estrelas.

Os episódios “The Deadly Years” (Série Clássica) e “Unnatural Selection” (A Nova Geração), onde a Dra. Katherine Pulaski sofre um rápido envelhecimento, têm temas semelhantes. Neste último, a solução também foi a utilização do teletransporte.

Spock deduz que o envelhecimento da tripulação é de dez anos por dia e McCoy comenta que estarão mortos em quatro dias. Esses dados não levam em consideração o fato de humanos viverem mais no futuro. O doutor visitou a Enterprise-D de A Nova Geração no episódio piloto “Encounter at Farpoint” aos 137 anos.

A roteirista Margaret Armen escreveu os episódios “The Ambergris Element” da Série Animada e “The Gamesters of Triskelion”, “The Paradise Syndrome” e “The Cloud Minders” para a Série Clássica. Ela também trabalhou nas séries O Homem de Seis Milhões de Dólares, Mulher-Maravilha e A Ilha da Fantasia.

Citações

Uhura – “The signal’s getting stronger, sir.” (“O sinal está ficando mais forte, senhor.”)
Kirk – “Re-scan your sensor readings, Mr. Spock.” (“Refaça as leituras do sensor, Sr. Spock.”)
Spock – “Readings are still inconclusive. It is odd that only the men are affected, Captain.” (“Continuam inconclusivas. É estranho que somente homens sejam afetados, Capitão.”)

McCoy – “First time I ever admired a body function.” (“É a primeira vez que admire uma função corporal.”)

Kirk – “Fantastic architecture. Only and incredibly advanced race could have built it”. (“Que arquitetura fantástica. Somente uma raça incrivelmente avançada poderia construí-la.”)

Uhura – “Release Captain Kirk and his men or we will destroy your temple”. (“Liberte o Capitão Kirk e seus homens ou destruiremos seu templo.”)
Theela – “Wait! I will tell you everything.” (“Espere! Vou contar tudo”)

Kirk – “Did it work?” (“Funcionou?”)
Uhura – “You’re more handsome than ever.” (“Está mais lindo do que nunca.”)

Trivia

• Esse foi o sexto episódio produzido para A Série Animada e o quarto exibido;

• O título do episódio é uma referência a um espírito d’água que atrai homens para a morte, semelhante às sereias e a Iara (ou Yara) ou Mãe d’Água das lendas indígenas brasileiras;

• Nichelle Nichols interpreta quatro personagens nesse episódio. Em “The Time Trap”, também da Série Animada, ela interpreta o mesmo número de papéis;

• Pouco antes do grupo de descida escapar, McCoy e Carver aparecem sem os diademas;

• O uniforme da enfermeira Chapel é vermelho quando o grupo de resgate chega ao planeta;

• Quando Spock está na enfermaria com Chapel, uma tripulante muda sua etnia de negra para branca;

• Spock poderia ter informado a Uhura a localização de Kirk, McCoy e Carver;

• Ao ser pressionada por Uhura, Theela utiliza o opto-aud para localizar o capitão Kirk e os demais tripulantes. Então, por que não o utilizou assim que escaparam?

• O episódio foi adaptado por Allan Dean Foster no livro “Star Trek Log Two” publicado pela Ballantine Books em agosto de 1974.

• O tema de canto da sereia viria a ser usado novamente no episódio “Favorite Son” de Voyager, onde Harry Kim é levado a acreditar pertencer a uma raça do Quadrante Delta.

Ficha técnica

Escrito por Margaret Armen
Direção de Hal Sutherland
Exibido em 29/09/1973
Produção: 06

Elenco

William Shatner como James Tiberius Kirk
Leonard Nimoy como Spock
DeForest Kelley como Leonard McCoy
James Doohan como Montgomery Scott
George Takei como Hikaru Sulu
Nichelle Nichols como Uhura

Elenco convidado

Nichelle Nichols como Davison
Nichelle Nichols como Dara
Nichelle Nichols como Voz do Computador
James Doohan como Carver
Majel Barrett como Christine Chapel
Majel Barrett como Theeela
Majel Barrett como Voz do Computador