CBS fala sobre ‘apetite’ por mais Star Trek

Durante um painel recente da Associação de Críticos de Televisão (TCA), em Beverly Hills, a direção da CBS se mostrou otimista em relação à posição de seu canal de streaming, o CBS All Access, impulsionada pelo que Julie McNamara, vice-presidente da CBS, descreveu como o “interesse e apetite ilimitados” por mais Star Trek.

Conforme relatado pela Variety, os executivos dizem estar comprometidos em seguir expandindo o conteúdo trekker e, para além dele, ter um total de 12 séries originais no ar em 2020 — com planos adicionais para expandir a programação em títulos de esportes, filmes e não-ficção.

Para o ano que vem, já estão em estágio avançado de produção Star Trek: Picard, a animação Star Trek: Lower Decks e a terceira temporada de Star Trek: Discovery.

“Nós sentimos que qualquer programa que adicionamos a essa franquia precisa criar um nicho exclusivo no mundo de Star Trek e precisa ser uma execução muito boa e de alto nível. Eu acho que nós vamos saber coletivamente quando parece que realmente devemos tirar o pé do acelerador um pouquinho”, disse McNamara.

Ela acrescentou ainda que não pretendem produzir uma avalanche, colocando tudo no ar ao mesmo tempo, e sim escalonando os lançamentos em etapas.” Nós amamos o lado positivo desta franquia e sentimos que há uma espécie de interesse e apetite ilimitados. Assim, temos que selecionar com cuidado e só colocar as séries quando parecerem bem.”

PICARD: HÍBRIDO DE DISCOVERY E A NOVA GERAÇÃO
Falando especificamente sobre Picard, Julie McNamara declarou que seu estilo é uma mistura da série que originou o protagonista com a mais recente produção de Star Trek.

“Eu diria que esta produção, mais ou menos em tamanho e dimensão, é provavelmente mais parecida com Discovery”, disse (via SlashFilm). E complementou: “Em termos dos personagens e da natureza da narrativa, provavelmente mais com A Nova Geração. Claro, nós estamos alguns anos mais tarde agora, então há algumas mudanças no estilo de contar histórias, mas acho que é um ótimo híbrido dessas duas.”

A série que trará Patrick Stewart de volta a Star Trek tem estreia marcada para o primeiro trimestre de 2020. Quanto à terceira temporada de Discovery, o presidente da CBS e diretor executivo da CBS Interactive, Marc DeBevoise, disse que vai estrear “mais tarde” em 2020. Para as outras séries em desenvolvimento, DeBevoise disse que “não há um cronograma neste momento”. Mike McMahan, no entanto, na convenção Star Trek Las Vegas, disse que Lower Decks também será lançada em 2020.

E A SEÇÃO 31?
No painel, a co-showrunner Michelle Paradise reiterou que a produção da série da Seção 31 não morreu e está “amarrada” a Discovery, acrescentando que isso se deve também para adequar a agenda de Michelle Yeoh, protagonista da futura série e uma das estrelas escaladas para a terceira temporada de Discovery. “Depois que Discovery tiver terminado as filmagens, ela poderá entrar em produção na série da Seção 31”, indicou.

Ainda não há uma data específica para lançamento de nenhuma das séries previstas.

Fontes: TrekMovie e ComickBook

Be the first to comment on "CBS fala sobre ‘apetite’ por mais Star Trek"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*