Stewart grato por ser identificado como Picard

Patrick Stewart, o capitão Jean Luc Picard de A Nova Geração,  esteve recentemente em dois eventos promovidos pelos fãs de Jornada. Um na cidade de São Francisco (EUA) e outro em  Sydney (Austrália), onde comentou sobre o seu título de nobreza concedido na Inglaterra, a gratidão por Jornada ter influenciado sua vida,  sua volta aos palcos de teatro, e expressou o desejo de participar novamente da franquia na continuação de Star Trek

Na convenção Star Trek Con, que se realizou em São Francisco, Stewart explicou ao SF Chronicle porque não tem feito muitos filmes recentemente. “Tenho estado quase que exclusivamente centrado no teatro nos últimos cinco anos, porque eu tenho um monte de coisas para atualizar”, comentou. “É tudo que eu sempre quis fazer”.

Quando começou sua carreira, Stewart não esperava trabalhar no cinema ou na TV, mas atuar no palco…, “Eu não tinha a ambição de trabalhar na televisão, não tinha a ambição de trabalhar em filme, porque parecia improvável e inverosímel”, disse ele. “Tudo que eu sempre quis foi estar no palco, porque o palco era bom, de forma crua, o lugar mais seguro para estar. Muito mais seguro do que o mundo exterior. … Tudo o que aconteceu foi um acidente. Um acidente maravilhoso”.

Um acidente que o levou a dois importantes papéis. Mas para o ator isso já é o bastante, “Minha sensação é de que você não pode ter muitas franquias em uma carreira. Meu caro amigo Ian McKellen esteve em X-Men, O Senhor dos Anéis e em breve fará três, com O Hobbit“.

Hoje aos setenta anos, Patrick Stewart recebe sua primeira condecoração pela Rainha Elizabeth II, o título de Sir. A cerimônia foi realizada no início deste ano, no Palácio de Buckingham. O título é uma homenagem aos serviços prestados por ele ao país. Além de contribuir para a arte, Stewart também é atuante em obras beneficentes.

O ator acredita que o título só veio por sua interpretação como Jean-Luc Picard e Professor Xavier, “É um resultado”, disse ele. “Como o resultado acumulado de Jornada e X-Men … Quando eu voltei para o Reino Unido, após 15 anos afastado, eu queria e fiz uma peça de Ibsen (The Master Builder). … Não é um escritor que encha teatros. O que Jornada fez foi me levar para fora do mundo de ator shakespeariano elitista, com um público muito pequeno, e me colocar num palco internacional. … Depois que o papel acabou, eu fui capaz de montar projetos de estágio que eu nunca teria sido capaz de fazer antes”.

Ao contrário do que muitos pensam, Stewart nunca se ressentiu de ser identificado com o capitão francês. “Não, eu sou grato por isso”, disse ele. “Eu fiz uma peça sozinho que foi muito bem, A Christmas Carol. … Nós vendemos a primeira semana na Broadway através dos fã-clubes de Jornada. Esse foi o marketing! E eles encheram o lugar. Não importa porque eles vieram. … Ian e eu, dividimos um camarim durante sete meses, fazendo Waiting for Godot. Eu acho que estamos criando significativamente um novo público para o teatro ao vivo”.

Já em sua passagem por Sydney na convenção OzTrek2, ele fez seus comentários sobre o seu trabalho em Jornada. Em primeiro lugar, falando a respeito de sua participação em A Nova Geração, Stewart disse que foi a alegria no set de filmagens e das cenas hilárias que o fizeram “rolar no chão de tanto rir”, que ele guarda na lembrança até hoje. Perguntado se estaria interessado em fazer o trabalho de voz, caso houvesse uma série de animação relacionada a A Nova Geração, Stewart disse que “provavelmente não”.

Quanto a reimaginação da franquia nas mãos de J. J. Abrams, Stewart disse que gostou muito do trabalho que Leonard Nimoy fez no filme e, se mostrou interessado em participar também, “Se eu fosse convidado a fazer um papel especial, como Leonard, no filme novo, eu aceitaria. Eles são um grupo de pessoas incrivelmente talentosas”.

Rumores vindos do AICN dão conta de que Stewart estaria cogitando trabalhar num filme já dirigido por George Miller, o remake de Mad Max, cujo ator principal seria Tom Hardy, o mesmo que fez Shinzon em Star Trek: Nemesis. Mas tal notícia não foi confirmada oficialmente ainda.

Fonte: Trek Movie e TrekToday

47 Comments on "Stewart grato por ser identificado como Picard"

  1. E aí VERDÃO: foi isso que comentamos off-topic dias destes. Ele nega ter negado (que coisa mal escrita) ST…

  2. Legal essa coisa de “Sir”, aqui no Brasil atores profissionais de longa história nem são lembrados pelo nosso governo, nem um simples obrigado!

  3. Titulo merecido…. ele sempre diz que se orgulha de ser reconhecido como Picard. Bem diferente aquele FDP do Shatner que disse diversas vezes que não gostava de ser chamado de Kirk. De acordo com uma bibliografia exibida no canal A&E, Shatner não gosta de StarTrek. Então ele fazia um filme, ganhava dinheiro e se afastava da franquia. Quando o dinheiro acabava, ele fazia outro filme. Olhando a filmografia do cara é bem assim mesmo…. filmes do Jornada a cada 2 ou 3 anos…. E mais: ele gostou muito de o cap. Kirk ter morrido. Agora fica mendigando um papel no novo filme.

  4. Embora tenho sido fã da série clássica, a Nova Geração, na pessoa de seu Capitão, merecia uma despedida honrosa da franquia, como ocorreu com Kirk e companhia em Star Trek VI. Em relação a sua participação em Star Trek como convidado especial acredito que seja difícil, pois é mais fácil Tim Russ (Tuvok) aparecer do que ele.

  5. Post 1
    Não me surpreende, afinal, ST lançou-o ao estrelato e ele agora percebe isso.
    Antes de mais nada quero dizer algo que já disse antes aqui no TB, Patrick é o melhor ator a passar por ST, em minha opinião. Ele já havia feito filmes antes, como: Excalibur e Duna, mas, em termos gerais, ele é um ator médio e muito ele deve a ST. Ele mesmo afirma que foi ajudado pelos fans clubes a divulgar o seu trabalho e o título de “sir” devido, também, ao seu Jean-Luc Pickard.
    Portanto, esqueçamos o que ele disse anteriormente e vamos aproveitar a presença dele na mídia para promover este que é a melhor série sci-fi de cinema e TV.

  6. Post 3
    Luiz
    No geral, não concordo com você, o Shatner é figurinha, mas ele sempre participou das convenções (mesmo que seja por dinheiro) e, que eu saiba, nunca foi um esbanjador, tanto que ele tem uma mansão em Berverly Hills e sua fortuna é orçada em dezenas de milhões de dolares. Sua participação nos filmes do cinema são normais, pois cada filme de uma franquia dessas tem em média 3 anos mesmo. Quem definiu o prazo foi a produtora, no caso a Paramount, por causa de logística (criar o roteiro, planejar o filme, filmar, montagem, marketing e etc , demoram mesmo, tanto que Star Trek XII virá somente em 2012, prazo de 3 anos).
    Sei que o Shatner tem defeitos, mas ele também não é culpado de tudo.
    Já o Stewart afirmou (sim) que ST foi desvio em sua carreira e agora está recuando pois percebeu o quanto foi bom, e ainda é, para ele.

  7. O Patrick realmente confirmou na convenção em São Francisco que tinha sido um dos primeiros a elogiar o novo ST, já o Shatner continuou com a estória que ñ tinha assistido ainda, então o Patrick disse q tinha o DVD e q ia dar pra ele ver, como ele ñ desiste falou q ñ precisava pois o JJ tinha convidado ele p/ assistir numa exibição especial na Paramount, espero q da próxima vez q perguntarem ele já tenha visto porque não vai dar p/ ficar negando isto eternamente, já tá muito chato.

  8. O SHATNER É CHATO MESMO, ELE MESMO DISSE QUE NÃO ASSISTE NADA DO QUE FAZ, MAS, ME PARECE, QUE ELE JÁ AFIRMOU TER ASSISTIDO O ÚLTIMO FILME.
    RALPH, VOCÊ PODERIA CONFIRMAR ESSA INFORMAÇÃO?

  9. Também acho o Shatner chato. Mas vamos falar do Stewart, com certeza o melhor ator que ja esteve em ST. E digo mais, se a dupla B&B não tivessem atrapalhado ele seria com certeza o melhor capitão que a série ja teve. Lógico que o Kirk estaria um pouco atrás, mas bem menos que o Picard está hoje. Na minha opinião se o Pine acabar com o Kirk não faz mal, Jean Luc mesmo, assim como uma boa parte dos trekkers.

  10. Realmente VERDE, Patrick e Spiner são os melhores como atores.

  11. E isso também VERDE: Shatner realmente nunca largou o osso ST, seja por qual motivo for.

  12. Post. 8
    Shatner nunca afirmou ter visto o filme, apenas numa entrevista ao Jimmy Kimmel Live ele disse que o filme é “maravilhoso” dando a entender que viu, porque ninguém opina sobre algo que não viu, só trekker.

  13. Ralph
    Obrigado pela resposta, mas achei que hoje vc está mmeio venenoso …. (rsrsrsrs)

  14. Leonardo Fukushima | 2 de fevereiro de 2010 at 9:23 am |

    Ele foi um grande capitão e merece o titulo da rainha da Inglaterra.

    Só que depois da Nova Geração, a série começou a afundar, e culminou no afundamento da série Enterprise.

    Até quando Star Trek vai ser mal administrado?

  15. Eh, VERDE, a verdade tem de ser dita.
    Leonardo, na minha opinião, Deep Space Nine foi uma boa série e Enterprise estava ficando melhor na quarta, faltou sorte a equipe devido aos problemas financeiros estourarem naquele momento na Paramount e o fato de B/B já estarem meio que desgastados diante da alta cúpula com o fracasso do último filme, que teve um bom orçamento.

  16. Ralph
    Ficou essa verdade não ficou clara para mim. Poderia ser mais específico?
    Obs: achei ENTERPRISE uma série muito regular e boa e não gostei que tenha sido encerrada.

  17. Os filmes da NG não precisavam ter sido tão horrorosos… nunca vou entender isso…

  18. Star Trek no Oscar 2010:
    Melhor maquiagem;
    Melhores efeitos visuais;
    Melhores efeitos sonoros.

    E dizem que o filme foi horrível…
    Star Trek Voltou e com tudo!!!

  19. E mais uma indicação
    Melhor Som…

  20. 70 anos!! O cara está bem conservado!

  21. Star Trek, indicado a 4 oscars, inclusive batendo Transformers 2 e Harry Portter pra indicação de efeitos especiais!!! muito bom!

  22. Pela minha experiência e lendo os comentários dos trekkers ao longo dos anos, sendo brasileiro ou não, o fato é que a maioria gosta mesmo é de criticar antes de ver, ou de ter informação mais detalhada. Isso é fato. VERDE.

  23. star trek está concorrendo em 4 categorias no oscar,isso é muito bom .

  24. É claro que star trek foi um acidente na carreira dele, mas foi um acidente bem lucrativo, em todos os sentidos!!
    O melhor ator de toda a franquia, sem dúvida.

  25. Leonardo Fukushima | 2 de fevereiro de 2010 at 4:07 pm |

    Como eu estava dizendo no Post anterior, a Nova Geração foi uma boa série, e valeu por cada uma de suas sete temporadas.

    Só que depois Voyager passou 7 anos afundando o Star Trek, e esse processo culminou com o afundamento da série Enterprise.

  26. Post 23

    E o Trekbrasilia ainda não noticiou!!!

  27. POST 25,POIS É ESTÃO DEIXANDO UMA ÓTIMA NOTICIA PRA TRÁS.

  28. Post 26

    E ainda nada, rapaz!

  29. Post 18

    Djalma, é isto aí!

  30. Post 22
    Infelizmente, eu concordo. Agora entendi !!!!!!!!!!!!!

  31. Pois é foi indicado em quatro categorias técnicas mas considerando q eles indicaram Blind Side(uma chatice na minha opinião), bem que ST poderia estar entre os 10, acho que indicar mais um filme de ficção científica ia ser demais p/ academia. Mas tudo bem tô feliz c/ as indicações.

  32. Fui dar uma olhada no Trekmovie.com e parece q a maioria das opiniões é q ST foi esnobado pela academia na categoria melhor filme e parece q a indicação do “The Blind Side” também ñ tá agradando muita gente. Agora eles vão ter q correr atrás dos atores de ST p/ apresentarem algumas categorias p/ contentar um pouco os trekkers como fizeram o ano passado qdo levaram o ator de Crepúsculo, porque senão ninguem assiste aquela chatice.

  33. Post 3:

    Luiz Lima,

    Menos cara, menos!!!! O Shatner pode não ser o melhor do mundo mas é um grande ator e será sempre lembrado como o Capitão “dirigido” pelo Gene. Fez bem o papel dele e vai ser lembrado para sempre, você queira ou não…

    Acho muito estranho falarem tão mal do Bill nesta página. Não dos se ST ou de TOS, vai para outra página!!!!!

    Deviam ser fuzilados…..

    JR

  34. SOU FÃ DE STAR TREK DESDE OS 8 ANOS DE IDADE, TENHO HOJE 31 E CONTINUO MAIS FÃ DO QUE NUNCA ESTAR NO OSCAR OU NÃO PRA MIM NÃO SIGNIFICA NADA PRA MIM O OSCAR É A MAIOR PALHAÇADA ,VAI DIZER QUE POR TRÁS DAQUILO TUDO NÃO ROLA A MAIOR POLITICAGEM PARA AGRADAR DIRETORES ROTEIRISTAS ATORES ETC…SE NÃO GANHAR NADA PRA MIM NÃO FAZ A MENOR DIFERENÇA O FILME É ÓTIMO E PRONTO. EU ATÉ DISSE ACIMA QUE É BOM ESTAR NO OSCAR ,POIS ISSO TRAS BOA REPERCUÇÃO PARA O FILME E ATRAI ATÉ NOVOS FÃS ,MAIS ENFIM NÃO É UM PEDAÇO DE LATA QUE VAI FAZER UM FILME SER MELHOR DO QUE OUTRO E SIM O QUE O PÚBLICO DIZ.VALEU UM ABRAÇO A TODOS QUE APRECIAM BOMS FILMES!

  35. Post 33

    Valeu Ruan

  36. Sou trekker até de baixo d´água. Gosto de todas as séries, de todos os personagens, todos os filmes, de todos os atores. Mas óbvio, existe uma escala nisso aí!

    Fala mal de qualquer coisa de ST pra ver se eu não fico fulo da vida!

    Gosto de tudo mesmo, tô até aprendendo a gostar de ST XI. Temos que colocar as coisas em perspectiva e analisar.

    Pow, vai uma exceção aê: mas não engulo mesmo aquela cervegenharia de ST XI. Que lixo, totalmente destoante de tudo e do prórpio filme!

    E Patrick é o cara!

    Minhas férias ocorrem em final de dezembro e todo janeiro, de forma que revi todos os filmes de ST e estou revendo STNG.

    No filme Generations, aparecem (obviamente) Patrick e Shatner. Quando os 2 contracenam, tio Bill não fica nem um pouco pra atrás – embora sem dúvida saibamos que tio Pat seja melhor.

    Na cena da cavalgada (no final), Shatner dá uma chegada de lado com o cavalo na direção de Patrick que é notável! Claro, sabemos que ele cria cavalos (sabiam que ele criou uma linhagem de cavalos batizada de Shatner! – típico dele! KKKKK!!!!).

    ST é cheio de detalhes, quando se trata das encenações, e só bons filmes são assim. Pena que a maioria das pessoas sejam discriminadoras e percam atuações de atores como Patrick, Shatner, Spiner e etc.

    Tem uma cena na Ira de Khan, onde Montalbam faz um gesto de mão e cabeça que só faz quem é bom!

    Detalhes, detalhes… mas que pra mim fazem a diferença.

    Viva Patrick, viva todos, viva ST!

  37. Pado = Pato , só sabe detonar tudo sem ter o mínimo de enbasamento para sustentar as críticas postadas.
    É o tipo de cara que diz que é fã das coisas boas de Star Trek , se referindo a Série Clássica por exemplo…mas se a série classica fosse lançada agora aqui estaria ele para detonar tb.
    E pior , o cara detona insistentemente o filme novo do J.J.(detona o diretor e roteiristas tb), se não gostou td bem, mas não precisa ficar repetindo sem lógica, além do que, a grande maioria gostou sim do filme, que foi muito bem na crítica e bilheterias, o problema é que trekkers são MUITOOOOOOO dificeis de se agradar.
    Mas ST renasceu com grande estilo(4 ind p/ o oscar) e se vc não gostou cai fora deste site e vai encher o saco de outros como voçê com cabecinha de vento.

  38. Patrick é o cara!!!
    Saudades de novos epis de TNG

  39. isso mesmo trekker… adoro quando o kirk descobre que o filho dele morreu em ST3, e o shatner cai da cadeira de capitão…

    quanto ao Patrick, além dele ser ótimo, fiquei muito mais tranquilo com a chegada da minha calvicie tendo um capitão como o picard…

  40. fico pensando se os críticos de enterprise já reviram alguns episódios com olhar diferenciado,sem preconceito,acho que episódios como “dear doctor “,estão no nível dos melhores de toda a franquia ,sobre stwart ,é sem dúvida o melhor ,lógico que o personagem ajuda ,fala sério se eu fosse do comando da frota estelar,não deixaria o kirk comandar nem nave auxiliar ,alias com a personalidade demonstrada em tos ,deveria ficar proibido de deixar o sistema solar ,já o picard parece um cara mais adequado para agir em nome da federação

  41. Concordo com o post acima em relação a série Enterprise, que é alvo de todas as criticas possíveis….Não acho que ela seja a pior das cinco séries e q seja ruim..Claro que a série clássica e a Nova Geração são as melhores(minha opinião), com Deep Space Nine correndo por fora(Esta acho fantastica e não comparo com as demais, por achar que tem a abordagem totalmente diferente= Base fixa ao inves de nave exploradora, podendo centrar ainda mais em politica entre as diversas raças, e roteiros diferenciados das demais)
    Mas não sou daqueles que enforcam Brannon & Berman como se eles fossem o próprio filho do coisa ruim, acho que Brannon Braga não era um grande produtor/roteirista e não acrescentou muita coisa, mas Berman foi um dos principais responsaveis pela Nova Geração, talvez ficando atras apenas de Gene, e a Nova Geração para mim teve nas duas primeiras temporadas seu pior momento…dali pra frente foi uma serie fantastica e nenhuma temporada foi ruim, pelo contrario, TNG foi genial…
    O que quero dizer é que as quedas de audiencia e o posterior cancelamento de Enterprise foram devidos a um desgaste natural…não culpa exclusiva de Rick Berman e de Voyager e principalmente Enterprise(segundo as criticas) serem séries péssimas e de baixo nivel para ST.Não to querendo dizer que Berman é o cara, mas o desgaste era previsivel, queriamos o q mais??foram quatro series initerruptas no ar..tres delas com 7 temporadas e uma com 4…sendo q TNG e DSN passaram simultaneamente, assim como DSN e Voyager…tem um texto do Salvador Nogueira que explana isso:
    Nos últimos 18 anos, Jornada nas Estrelas teve nada menos que 25 temporadas! Precisamos de sete anos de descanso para começar a reclamar que a média de temporada televisiva por ano da franquia caiu para menos de uma! Veja o poder que essa estatística tem! Se acordarmos em 2012 com uma nova série, teremos mantido a média de uma temporada por ano desde 1986! Talvez seja hora de apreciarmos com a devida calma tudo que conseguimos, antes de nos desesperarmos à procura de material novo.

    Pois é….e ja revi varias vezes as temporadas de Enterprise e a acho uma serie magnifica, na minha opiniao melhor que Voyager, tem episodios memoraveis e na quarta temporada ela estava melhorando ainda mais…ela foi cancelada devido ao desgaste de jornada e não por ser uma série ruim…

  42. Post 39: A queda no chão de Kirk é fantástica!

    Tem outras coisas que tb são bem feitas (só pra citar algumas):

    – No filme A Última Fronteira, a cena do acampamento (abertura e encerramento);
    – O pequeno discurso de Kirk no funeral de Spock;
    – Esta é demais: quando Spock, quase morrendo, se dá ao trabalho de levantar-se e ajeitar sua roupa, para receber seu amigo e capitão! Até pra morrer o cara tem compostura e honradez!

  43. Post 40: Dear Doctor é fora de série. Aliás, o médico de Enterprise (Flox – tá certo isso?) é muito inteligente, sabendo lidar com a psique humana. Ele parece ver a alma das pessoas…

    O lance do Kirk que vc falou é mero estilo de comandar: Kirk é p* loca e Picard é cerebral. Mas ambos são destemidos e tem um senso forte de preservação da nave/tripulação acima de tudo.

    Post 41: Enterprise é fantástica mesmo, já vi duas vezes. Pena que não seguiu adiante, pelos motivos que vc elucidou.

  44. Concordo com voces, para mim ENTERPRISE é uma série regular e muito boa. É melhor que Voyager, sem duvida.Já assisti 3 vezes e estou na terceira temporada da quarta vez. Com algumas resalvas, eu também gosto da Voyager.
    Como capitao, o Kirk era demais, inteligente demais, esticava a primeira diretriz até quase romper. O Pickard era mais comedido, mas também inteligente e levava em consideraçao todos que tinham idéias originais. Acho que a comparaçao entre eles é desnecessária, pois o Roddenberry queria mesmo que fossem diferentes. Ambos foram competentes mas de formas diferentes.

  45. Lendo os comentários de vocês, dá pra perceber que todas as séries de ST são no minimo boas.

    Gosto muito do Picard, é um personagem maravilhoso, um digno Capitão da Frota Estelar e as qualidade do Stewart nem precisa dizer, mas sou obrigado a defender o Kirk que é meu capitão preferido justamente pelo seu temperamento agressivo em certas situações, mas ponderado e diplomático quando preciso, acho fenomenal o equilibrio que mantém na sua amizade com Spock e Magro, com seus temperamentos opostos.

    Além de tudo, ele leva algumas vantagens sobre Picard por ser o primeiro, por ser o cara que é apaixonado pela sua nave (a homenagem de ST 1 é icônica), por ser o cara que sai no braço quando precisa e o Picard não fica bem nessa posição como demonstrado nos filmes da NG, inclusive essa postura do Shatner é outra coisa icônica, até o personagem de Edward Norton em Clube da Luta, queria sai na porrada com o Shatner.

    Acho que não devemos misturar o ator com o personagem, mas Shatner é uma lenda viva!

  46. Bom, sei que seria meio retrocesso-temporal, mas seria legal uma microssérie mostrando os eventos pré Nero mostrado nas 4 HQs. Seria uma forma bem bacana de trazer o (me perdoem os fãs do Kirk) inigualável capitão Picard de volta.

  47. Eu gostaria de ver um seriado do jovem James Kirk (na Academia da Frota e nas naves que passou, principalmente a Farragut), na linha temporal original.

Leave a comment

Your email address will not be published.


*