Reação de fãs a Enterprise emocionam Manny Coto

O site The Hollywood Reporter conversou com o produtor e escritor Manny Coto, que estará presente na convenção San Diego Comic-Con, evento que começou no dia 20 de julho. Ele falou breve sobre o trabalho na série Enterprise e sua emoção de ver ainda a boa acolhida dos fãs ao seu trabalho. Manny Coto está atualmente no seriado Dexter.

“Gostaria de reiniciar Jornada, com um jovem William Shatner”, brincou Coto ao Hollywood Reporter, quando perguntado sobre o que ele mais gostaria de reiniciar na franquia. “Nós clonaríamos William Shatner: Se eu começasse agora, em 15 anos, teríamos um Kirk jovem. Alguém tem que falar com Shatner para dar um pouco do DNA antes de morrer, porque não estamos tão longe em termos de tecnologia. Quinze anos não é muito tempo, 15 anos estarão aqui antes que você imagina e poderíamos ter um jovem Capitão Kirk. Você acha que a minha mulher concordaria em carregar um na barriga? É interessante. Querida?”

Coto estará participando de um painel sobre a sua atual série Dexter. Ele disse que está participando do evento desde os anos 80, mas revelou que sua memória ainda tem relação com Jornada: “Eu comandei a 4 ª Temporada de Enterprise e a melhor coisa que ouço dos fãs é: – ” Sua temporada em Enterprise foi a melhor temporada de todas”, o que sempre faz meu coração ficar entusiasmado. Comecei como um fã de Jornada, e ser capaz de trabalhar na série foi uma grande honra.” 

O produtor deixou bem claro que ainda é um grande fã de Jornada, revelando que, embora nunca tenha chegado a vestir-se como um personagem de Jornada – no ano passado ele vestiu seu filho, “Ele tinha um ano e foi como capitão James T. Kirk”, disse Coto. “Ele tinha um pequeno macacãozinho de Kirk e ele realmente parecia com o que você imaginava ser um jovem Kirk: ele tem cabelos loiros, parecia muito com Kirk, e temos um monte de fotos”, disse orgulhoso.

Fonte: TrekWeb e TrekToday.

10 Comments on "Reação de fãs a Enterprise emocionam Manny Coto"

  1. Realmente, o quarto ano de Enterprise foi sensacional e isso deve-se inteiramente ao Many Cotto. Por sinal, no final o Berman pegou a produção da série e foram os piores episódios.
    Seu talento é claramente obsefvado no preimiado Dexter. Pena que ele não participou os quatro anos de Enterprise, se tivesse, com certeza, teríamos tido os 7 anos convencionais.

  2. É uma pena mesmo! E a temporada dele é a prova contra toda essa bravata de que não há como fazer boas estórias sem desrespeitar o canon.

  3. Realmente, ele merecia muito mais consideração da CBS. Mesmo eu não gostando desse papo de novo Kirk dá para ver que a idéia da CBS sempre foi um reboot de ST. Haja paciência.

  4. Deveriam colocá-lo para dirigir uma possivel nova serie de ST.

  5. Indiscutível!

    A quarta temporada de Enterprise é a única que presta, e, pelo conjunto da obra, a MELHOR de todas as temporadas/séries, porque ela “amarra” várias coisas que acontecem depois, desenvolve personagens, explica (mesmo que de forma pouco convincente) certas questões (as testas klingons, os “augments”)

    Enfim, tenho um carinho/gosto especial mesmo por essa quarta temporada!

  6. Mais uma prova do que sempre digo. Produtores que não querem largar o osso é que cansam Jornada nas Estrelas. Manny Coto poderia ter dado um belo de um gás na franquia que a duplinha B&B não coseguia mais.

  7. A quarta temporada pode até ser a melhor, mas no último episódio diminuir a série inteira a uma sessão de holograma da Enterprise D foi besteira…foi desnecessário! É como se a série fosse inferior às outras e não tivesse identidade própria!

  8. @Ben Kenobi: Este episódio final não foi de Cotto, mas sim de Berman.

  9. Kenobi
    Os 3 últimos episódios não foram dele.

  10. Jorge Rodrigues | 26 de julho de 2011 at 1:21 pm |

    E não foi a série inteira que virou programa do holodeck, mas apenas o último episódio, e encaixando com o episódio da HMS Pegasus, de TNG, o qual, por sua vez, encaixava com os episódios de TOS e de ENT sobre os tolianos (só a barriga e as rugas do Riker não encaixavam… rs).

    A 4a temporada é fantástica, e melhor temporada de todas as séries sim!

    Meio Manny Coto vale mais do que todos os roteiristas do último fime, juntos ou separados.

Leave a comment

Your email address will not be published.


*