TNG 2×19: Manhunt

Lwaxana Troi está de volta, como protagonista de episódio vazio

Sinopse

Data estelar: 42859.2

A Enterprise recebe dois representantes antedeanos para transporte a uma conferência de paz no planeta Pacífica. Eles viajarão em estado catatônico. Em seguida, a nave recebe uma visita inesperada de Lwaxana Troi, embaixadora de Betazed, que também irá ao encontro interplanetário.

Lwaxana está passando pelo que os betazoides chamam de “A Fase”, em que uma mulher dessa espécie atinge sua plenitude sexual. Esperando seduzir Picard, ela arma um jantar oficial em seus aposentos, mas convida apenas o capitão, que escapa da armadilha ao chamar Data para recitar curiosidades inúteis.

Para escapar de futuras investidas, Picard se refugia no holodeck, onde mais uma vez volta a habitar o mundo ficcional de Dixon Hill. Enquanto isso, Lwaxana procura outro candidato a noivo e acaba decidindo por Riker, para o embaraço do comandante e a fúria de Deanna.

Os antedeanos despertam de seu estado de catatonia, e Riker e Data vão buscar Picard no holodeck, num momento em que ele está tomando um drinque, como Dixon Hill, com sua secretária, no bar do Rex. Lwaxana acaba encontrando a trupe e recrimina Picard por ter se escondido dela. Em compensação, ela fica fascinada por Rex, um homem cuja mente ela não consegue ler telepaticamente.

Depois de deixar Lwaxana se divertir um pouco, a tripulação revela que Rex é apenas um holograma, o que não a deixa nada feliz. Na partida para Pacífica, ela diz que leu os pensamentos dos antedeanos e eles não são representantes, mas sim terroristas, que pretendiam explodir a conferência com um material explosivo não rastreável. Picard apreende os criminosos, e Lwaxana parte da Enterprise, não sem antes recriminar o capitão por seus pensamentos libidinosos.

Comentários

“Manhunt” existe por um único motivo: a mulher do chefe precisa do seu episódio da temporada. Até aí, era uma demanda conhecida. A pena foi não terem pensado em uma boa história.

Sem demérito para Majel Barrett, que é divertida e engraçada como Lwaxana Troi, com seu jeito inconveniente e espalhafatoso. Mas seria importante que a personagem tivesse um arco a atravessar, ou ao menos que houvesse uma história a ser contada como pano de fundo.

Há muito pouca substância no episódio. A trama dos antedeanos é basicamente um abre-fecha, e a ideia de que Lwaxana está passando pelo período conhecido entre os betazoides como “A Fase” é só uma justificativa para uma sequência sem fim de esquetes humorísticos com a personagem.

A gente dá risada? Dá. Tanto nos lances de comédia física (a mala pesadíssima, o sr. Homn tomando a garrafa inteira que Picard traz de uma vez, Lwaxana reagindo à aparência dos antedeanos) como nos de diálogo (Picard trazendo Data para “entreter” Lwaxana, Worf admirando a beleza dos antedeanos). Mas, destilando tudo, mal resta uma história.

O desperdício é duplamente sentido porque é nosso primeiro retorno ao mundo de Dixon Hill após o excelente “The Big Goodbye”, da primeira temporada. E se lá o mistério é o grau de “realidade” do holodeck, aqui isso é descartado sumariamente, na forma do personagem Rex. Também mal chegamos a ter uma “história dentro da história” com as cenas no holodeck. Tudo muito simples, a despeito dos valores de produção da nova recriação dos anos 1940.

Star Trek tem um ótimo histórico com comédias. Mas seus melhores episódios de humor sempre tiveram uma boa trama, capaz de sustentar o interesse por uma hora, com as piadas emergindo organicamente dela. Ao colocar a graça de uma personagem em primeiro plano sem se preocupar em fazer mais que uma série de gracejos, “Manhunt” deixa muito a desejar.

Avaliação

Citações

“Betazoid women are full of surprises.”
(Mulheres betazoides são cheias de surpresas.)
Lwaxana Troi

Trivia

  • Este episódio é uma sequência de dois segmentos em que o roteirista Tracy Tormé trabalhara na primeira temporada: “Haven” e “The Big Goodbye”. Ele é fruto da demanda dos produtores pelo retorno de Lwaxana e a vontade de Tormé de voltar ao universo de Dixon Hill.
  • As primeiras versões do roteiro de Tormé eram mais focadas na trama do holodeck, traziam narrações irônicas de Patrick Stewart como Dixon Hill e eram fortemente inspiradas pelo estilo noir e pelos romances de Raymond Chandler, em particular Farewell, My Lovely e The Little Sister. Todos esses elementos foram derrubados. As referências para ampliar o espaço para a trama de Lwaxana e as narrações para evitar confusão com o diário do capitão.
  • Tormé ficou tão frustrado com as modificações no roteiro feitas pelo showrunner Maurice Hurley que decidiu assinar o episódio com um pseudônimo, Terry Devereaux, em sinal de protesto. Ele já havia feito o mesmo em “The Royale”, mas então assinara como Keith Mills. “Manhunt” foi sua última contribuição para A Nova Geração, e Tormé se desligou da série ao fim da segunda temporada.
  • O diretor Rob Bowman comentou as mudanças feitas no roteiro. “Eles mudaram muito para acomodar Majel e sacrificaram o que Tracy e eu pensávamos como as nuances noir do episódio. A ênfase saiu do noir para Majel. É a mulher do chefe e ela só faz isso uma vez por ano, então isso deveria acomodá-la e isso é o que você fazia.”
  • Quando Dixon Hill olha pela janela de seu escritório, a cena da rua é uma reciclagem de um filme velho. Em “The Big Goodbye”, a tomada da rua fora gravada especificamente para o episódio.
  • O astro do rock Mick Fleetwood, da banda Fleetwood Mac, fez uma ponta como um dos antedeanos. Apesar da pesada maquiagem e de estar irreconhecível, ele adorou fazer parte da série, fã que era de Star Trek.
  • LeVar Burton não aparece neste episódio, que marca a primeira aparição de Robert O’Reilly em Star Trek. Ele ficaria marcado mais tarde pelo papel do klingon Gowron.
  • Os antedeanos são novamente vistos no universo de Star Trek na segunda temporada de Lower Decks, no que Boimler e Mariner quase atropelam um grupo deles em uma perseguição dentro de um centro de compras.

Ficha Técnica

Escrito por Terry Devereaux
Dirigido por Rob Bowman

Exibido em 29 de maio de 1989

Título em português: “Temporada de Caça”

Elenco

Patrick Stewart como Jean-Luc Picard
Jonathan Frakes como William Thomas Riker
Brent Spiner como Data
Michael Dorn como Worf
Marina Sirtis como Deanna Troi
Wil Wheaton como Wesley Crusher

Elenco convidado

Diana Muldaur como Katherine Pulaski
Colm Meaney como Miles O’Brien
Majel Barrett como Lwaxana Troi
Robert Costanzo como Slade Bender
Carel Struycken como Homn
Rod Arrants como Rex
Robert O’Reilly como Scarface

Enquete

Edição de Maria Lucia Rácz
Revisão de Susana Alexandria

Episódio anterior | Próximo episódio