Primeiras impressões: “Die Trying”

Em Primeiras impressões, coluna do Trek Brasilis, os colaboradores do site dão seus pitacos SEM SPOILERS sobre um episódio recém-lançado de Jornada nas Estrelas.

Episódio: “Die Trying” (Star Trek: Discovery, 3×05)

A USS Discovery enfim encontra a sede da Federação e tem que mostrar o seu valor, mesmo sendo uma nave de quase mil anos.

O que achamos?

Salvador Nogueira: “Die Trying” é um show de fan service. Impossível não se emocionar, e é legal ver a série avançando rápido, eliminando a trama mais óbvia de “vamos procurar a Federação”. Agora se trata de reconstruir o futuro, não procurá-lo. Mais uma vez, uma boa aventura paralela e excelente uso dos personagens.

Roberta Manaa: Mais uma vez uma oportunidade perdida para o Dr. Culber fazer mais, mas novamente largou para Michael. Sigo achando que outros personagens deveriam ter mais protagonismo, resolver situações. Apesar disso, um episódio bonito, uma história muito boa e uma resolução que eu gostei.

Lúcia Racz: “Die Trying” é um episódio que mantém o histórico desta temporada de excelentes atores convidados. O episódio é muito bom e, em uma temporada serializada, move o enredo para a frente. Embora inegavelmente moderna em estilo e valor de produção, a terceira temporada de Discovery continua a parecer cada vez mais com os seriados clássicos, em termos de tom e tema. Estou gostando muito!

Luiz Castanheira: Um episódio de transição, que visa acomodar a Discovery como uma parte funcional da Frota Estelar do século 32. Em meio a desconfiança do novo chefe e o passado de amotinada de nossa protagonista, isso é conseguido (ainda que as partes mais interessantes caibam a interação da Imperatriz com alguém atuado pelo David Cronenberg). A história local do episódio (centrada em Nhan) apresenta falhas lógicas, emocionais e temáticas (fora a inescapavel onipresença de Burnham). Segmento mediano na melhor hipóteses.

Fernando Penteriche: Não achei o melhor da temporada, mas pra mim foi o mais divertido até agora. Enquanto isso, com as novidades presentes em tela, Eaglemoss coça as mãos no aguardo do suado dinheiro do trekker.

Muryllo Von Groll: Ótimo episódio de Discovery. O trio Tilly, Reno e Stamets parece promissor. Um roteiro mais redondinho com os personagens bem amarrados. ACHO que a série começa a encontrar seu caminho. Antes tarde do que nunca.

Susana Alexandria: Primeira missão da Discovery para a Federação do século 32. Interessante ver os avanços tecnológicos dos últimos 930 anos. Efeitos visuais incríveis, diálogos afiados e uma boa história, bem ao estilo de Star Trek, fazem deste o meu episódio preferido, até o momento, da terceira temporada.

Mariana Gamberger: “Die Trying” é o quinto episódio de uma sequência de cinco excelentes histórias. Finalmente Discovery encontra com o que restou da Federação e da Frota Estelar. Bastante carregada de emoção, excelentes atores convidados, homenagens pra lá de especiais. Mal posso esperar pelo próximo.

Deixe suas primeiras impressões sobre o episódio na seção de comentários abaixo!

Be the first to comment on "Primeiras impressões: “Die Trying”"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*