Star Trek teria derrubado as ações da ViacomCBS?

Alerta do Badgey Brasilis é uma coluna do Trek Brasilis que visa checar fatos e combater notícias falsas.

Olá, pessoal. Eu sou o Badgey Brasilis. Posso te ensinar uma lição? Um rumor que tem circulado pelo fandom chegou até mim, com um pedido de checagem.

É verdade que a queda nos valores das ações da ViacomCBS está atrelada a um hipotético “insucesso” das novas produções de Star Trek?

FALSO!

As ações da ViacomCBS (VIAC) de fato passaram por uma “semana negra” em Wall Street. Na noite da sexta-feira (26 de março), as ações da empresa valiam apenas US$ 48,2, contra os US$ 100 dólares da segunda-feira (22 de março). Os papéis do conglomerado estão bem voláteis nos últimos dias e semanas, mas as razões disso nada têm a ver com Star Trek.

Cabe lembrar primeiro que boa parte desta queda foi na verdade “ajuste”. A ViacomCBS teve uma valorização brutal nas semanas que antecederam a queda, dobrando de cerca de US$ 50 para US$ 100.

Um dos elementos que levaram a essa recente valorização foi a forte campanha sobre a reformulação do serviço de streaming CBS All Access, convertido em Paramount+, algo que o mercado está considerando importante para a competitividade da empresa nesse segmento vital para empresas de mídia. Além disso, há uma razão estritamente ligada ao mercado financeiro: a subida foi alimentada pela cautela de investidores que têm operações de shorts (venda a descoberto) com as ações da empresa. Lembrando os efeitos recentes que operações desse tipo tiveram nas ações de empresas como a GameStop Corp. (GME) e a AMC Entertainment Holdings Inc. (AMC), tais investidores realizaram compras preventivas de ações da ViacomCBS para cobrir possíveis perdas com suas posições comprometidas pelos shorts.

Já elementos que contribuíram decisivamente para a rápida descida no preço foram uma oferta realizada pela própria ViacomCBS de liberar mais ações para capitalizar futuros projetos, bem como vendas em blocos entre investidores realizadas pelo fundo de investimentos Archegos Capital Management, que liquidou parcelas grandes de suas posições na ViacomCBS, na Discovery Inc. (DISCA) e em algumas outras empresas, em operações realizadas com as financeiras Goldman Sachs e Morgan Stanley.

Note que as ações da Discovery Inc. sofreram movimento muito parecido, no mesmo período, por motivo semelhante: enquanto os papéis da ViacomCBS caíram pouco mais de 50%, os da Discovery mergulharam cerca de 45%.

Michael Nathanson, analista da MoffettNathanson, comentou ao CNBC especificamente sobre o caso da ViacomCBS e como a ação estava artificialmente sobrevalorizada: “Nós nunca, jamais pensamos que veríamos o comércio de Viacom perto de 100 dólares por ação e, obviamente, nem a administração da ViacomCBS, pois eles venderam apropriadamente US$ 3 bilhões em ações convertidas nos níveis elevados para ajudar a limpar seu balanço patrimonial alavancado e investir mais no fluxo.”

Traduzindo do “economês”: aproveitando os preços altos, a ViacomCBS vendeu um caminhão de suas próprias ações para trazer caixa para a empresa. A oferta grande de papéis, seguindo a lei da oferta e de procura, naturalmente vai derrubando os preços. E isso ajuda a explicar o movimento.

As ações do conglomerado de fato passam por um período de alta volatilidade, mas isso tem nada a ver com Star Trek em particular, ou a qualquer outra propriedade da empresa. É muito importante, portanto, estar de olho na credibilidade de quem traz a informação, no quanto ela errou no passado e se seu modus operandi a cada nova publicação segue o mesmo padrão característico de informação não verificada ou clickbait.

Você tem alguma “notícia” que gostaria de ver checada pelo Badgey Brasilis? Mande para a gente, clicando aqui!

E siga o Badgey Brasilis no Twitter.

Be the first to comment on "Star Trek teria derrubado as ações da ViacomCBS?"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*