TNG 1×24: Conspiracy

Uma misteriosa conspiração ameaça o futuro da Frota Estelar a traz a Enterprise à Terra

Sinopse

Data estelar: 41775.5

A Enterprise recebe uma mensagem de emergência, e o capitão Walker Keel pede um encontro secreto com Picard, num planeta desabitado. Lá, ele e mais dois capitães revelam suspeitas de que uma conspiração esteja tomando o alto escalão da Frota Estelar.

A preocupação aumenta quando a nave de Keel explode e Data encontra anormalidades em ordens recentes do Comando da Frota. Picard se convence de que a Federação está em risco e ordena o regresso imediato à Terra.

Após requisitarem encontro com o almirantado, Picard e Riker recebem uma visita do almirante Quinn, estranhamente alterado. Logo que o capitão desce ao planeta, Quinn ataca Riker e é detido por Worf e Crusher.

A médica o examina e descobre que um parasita invadira seu corpo. Recuperado, Riker se transporta para a Terra, fingindo ter sido infectado e controlado por um parasita.

Lá, ele e Picard descobrem que o Comando da Frota está infestado. Felizmente, conseguem matar a criatura-mãe, hospedada no corpo do tenente-comandante Remmick, e debelar a conspiração. Mas não a tempo de impedir que os alienígenas enviem um sinal para uma região inexplorada da galáxia, indicando a posição da Terra.

Comentários

A única coisa que se pode verdadeiramente lamentar a respeito da história contada em “Conspiracy” é que jamais tenha recebido continuação, apesar de o fim do episódio clamar por ela.

O segmento é memorável por várias razões. Em primeiro lugar, teve a coragem de lidar com o coração da Frota Estelar. Segundo, levou, pela primeira vez, a Enterprise de volta à Terra, evento raríssimo na história da série. Em terceiro, conseguiu colocar em seus 46 minutos um enredo complexo e bem trabalhado, com direito até a uma boa preparação feita em “Coming of Age”. A menção, naquele episódio, das preocupações do almirante Quinn deram um contexto muito mais real a “Conspiracy”.

A história, como de costume na primeira temporada, manda no episódio, sem muito espaço para desenvolvimento de personagens. Isso faz com que a interação entre eles seja pobre e normalmente restrinja-se somente a “alívio cômico”, o que neste episódio não funciona muito bem, seja com Data ou Worf.

A trama leva o telespectador até a borda de sua poltrona durante todo o tempo, atingindo o auge quando Picard se vê confrontado com um delicioso prato de minhocas vivas para o jantar. Ali temos a famosa sensação de “agora já era”, até que Riker mostra que ainda está conosco e salva o dia, para a sorte de Jean-Luc e da Federação.

Em termos técnicos, o episódio recebe destaques pelos cenários do planeta alienígena do início do episódio e pela explosão do tenente-comandante Remmick, espalhando miolos por todos os lados. Mesmo assim, há elementos visuais muito mal acabados, como as criaturas caminhando (claramente animação com massinha), ou o bichinho entrando na boca de Remmick, claramente feito de plástico e totalmente imóvel.

Também é de se estranhar que o Comando da Frota Estelar seja um lugar tão vazio e simples. Não chega a ser um problema grave, mas poderia se esperar algo mais elaborado. E a última cena, pedindo desesperadamente por uma continuação enquanto viajamos pelo espaço ao som do sinal alienígena, é o melhor fim de episódio da temporada e, possivelmente, um dos melhores da série.

Avaliação

Citações

“Where did we first meet?”
“Answer the question.”
“Tau Ceti III. It was a bar… rather an exotic one, as I remember. What do I win?”
(Onde nos conhecemos?)
(Responda à pergunta.)
(Tau Ceti III. Em um bar… um bem exótico, se bem me lembro. O que eu ganho?)
Keel, Rixx e Picard

“Direction unclear. Please repeat request.”
“That was not a request, I was simply… talking to myself. A human idiosyncrasy, triggered by a fascination with particular set of facts, or sometimes brought about by senility, or used as a means of weighing information before reaching a conclusion, or as a–“
“Thank you, sir, I comprehend. Please specify how you would like to proceed, sir.”
(Ordem confusa. Por favor, repita o pedido.)
(Não foi um pedido, eu estava simplesmente… falando sozinho. Uma idiossincrasia humana, disparada por uma fascinação com um grupo particular de fatos, ou algumas vezes provocada por senilidade, ou usada como uma forma de enfatizar informações antes de chegar a uma conclusão, ou como uma–)
(Obrigado, senhor, eu entendo. Por favor, especifique como gostaria de proceder, senhor.)
Computador, Data e Computador

Trivia

  • Embora esse episódio deixe um grande gancho para uma sequência, o tema da conspiração alienígena jamais foi retomado. A trama da invasão dos parasitas era para ter terminado aqui, não fosse uma sugestão de Robert Justman para que se criasse um suspense de um perigo ainda maior no futuro.
  • Parte do cenário da sala do banquete foi reutilizado na construção dos cenários do bar panorâmico (Ten-Forward), construído durante o intervalo entre a primeira e a segunda temporadas.
  • Na história original, chamada “The Assassins”, os conspiradores não eram alienígenas, mas membros de uma facção dentro da Frota Estelar – todos amigos de Picard – que se rebelam contra a Primeira Diretriz e a complacência da Federação após o tratado de paz com os klingons. Ironicamente, embora Gene Roddenberry tenha rejeitado a ideia de mostrar um lado obscuro da Frota Estelar, veríamos uma conspiração como essa em Jornada nas Estrelas VI: A Terra Desconhecida.
  • O episódio recebeu forte oposição de Maurice Hurley, então o showrunner da série. Mas alguém acima dele, provavelmente Rick Berman, gostou do roteiro e o manteve em produção.

Ficha Técnica

História de Robert Sabaroff
Roteiro de Tracy Torm
Dirigido por Cliff Bole

Exibido em 9 de maio de 1988

Título em português: “Conspiração”

Elenco

Patrick Stewart como Jean-Luc Picard
Jonathan Frakes como William T. Riker
Brent Spiner como Data
LeVar Burton como Geordi La Forge
Michael Dorn como Worf
Gates McFadden como Beverly Crusher
Marina Sirtis como Deanna Troi
Wil Wheaton como Wesley Crusher

Elenco convidado

Henry Darrow como almirante Savar
Ward Costello como almirante Quinn
Robert Schenkkan como tenente-comandante Dexter Remmick
Ray Reinhardt como almirante Aaron
Jonathan Farwell como capitão Walker Keel
Michael Berryman como capitão Rixx
Ursaline Bryant como capitão Tryla Scott

Enquete

Edição de Maria-Lucia Rácz
Revisão de Susana Alexandria

Episódio anterior | Próximo episódio