Devir lança duas HQs de Jornada em junho [EXCLUSIVO: leia duas histórias completas!]

capaA Devir Livraria lança no dia 15 de junho mais duas revistas em quadrinhos de Jornada nas Estrelas. “Star Trek – Ano Quatro” e “Star Trek – A Nova Geração – Interlúdios” chegam a R$ 39,95/cada. Com 160 páginas, as revistas foram publicadas nos Estados Unidos pela IDW Publishing em 2007.

Na minissérie “Star Trek – Ano Quatro”, como o título sugere, as histórias são ambientadas no quarto ano da missão original da Enterprise, de cinco anos. O primeiro número da série foi lançado em julho de 2007 e os subseqüentes nos meses seguintes. Em março do ano passado, a IDW lançou uma edição encadernada que é a que está sendo lançada no Brasil.

Já em “Star Trek – A Nova Geração – Interlúdios” de David Tischman e Casey Maloney, a NCC 1701-D viaja por vários novos e exóticos locais em que os seus tripulantes vivem aventuras inesperadas. A série foi lançada para comemorar os 20 anos de A Nova Geração, em 2007.

Você pode conferir abaixo as capas das edições. Em seguida, clique nos liks mais abaixo para ler uma história de cada revista, cortesia da Devir, exclusiva para os leitores do Trek Brasilis!

Clique nas imagens pra vê-las maior!

capa_st_ano_quatro_small

capa_st_tng_01_small

E clique aqui para baixar uma história do Ano Quatro e uma de Interlúdios, ambas em PDF.

21 Comments on "Devir lança duas HQs de Jornada em junho [EXCLUSIVO: leia duas histórias completas!]"

  1. Achei ambas as estórias simples e meio “saltadas”: parece haver passagens de tempo que não foram reproduzidas.

    Gostei mais da estória de TOS. Pode ser simples mas tem o toque de humor característico de alguns episódios.

  2. Estranho notar que só ‘A Nova Geração’ tem o subtítulo em português de JORNADA NAS ESTRELAS.

  3. Waldomiro Vitorino | 1 de junho de 2009 at 8:43 am |

    Vou comprar os dois, sem pestanejar!

  4. Só espero que a distribuição seja melhor do que a de Herança de Sangue, que eu precisei encomendar em uma livraria e esperar por mais de um mês. E isso em plena cidade do Rio de Janeiro. Em Niterói, onde moro, nem sombra… Interessante é que, no início de maio último, encontrei um exemplar jogado pelos cantos em uma banca/loja de revistas no aeroporto do Galeão. Mas aí, já tinha comprado o meu, né? Se alguém estiver interessado, provavelmente ainda deve estar por lá.

  5. Luiz Jorge Dias | 1 de junho de 2009 at 10:47 am |

    Legal, mas…Alguma informação sobre quando a mini-série Countdown será lançada por aqui???

  6. Pois é… alguém sabe se COUNTDOWN vai sair aqui?

  7. Waldomiro Vitorino | 1 de junho de 2009 at 11:44 am |

    Os desenhos e a narrativa desta HQ da TNG são um pouco amadores.

  8. Marcus Adriano | 1 de junho de 2009 at 1:10 pm |

    Mandei vir dos States (Countdown) e já estou lendo. Se chegar aqui, pelo jeito, só ano que vem (quem sabe…)

  9. Countdown já chegou, porque minha colega de Almanaque, a Susana, conseguiu comprar uma na Livraria Cultura. Resta saber se ainda restam exemplares por aí, ou foi tudo vendido…

    Abraços,
    S.

  10. Fernando Penteriche | 1 de junho de 2009 at 5:07 pm |

    Ela comprou a importada que tinha na Cultura. Em português ainda não saiu.

    Abraços,
    Fernando

  11. Countdown tinha o apelo do filme, agora que a novidade já passou talvez nem venha. Quem sabe quando for lançado o DVD, e já que as 4 revistas são bem curtinhas elas não venham de brinde.

    Eu adoro TNG, principalmente a classe Galaxy, a verdadeira nave capitânia da frota estelar. Eu gosto da Soveringn, mas não tanto quanto a Enterprise-D.

  12. O desenho é fraquinho. A história de TOS é uma variação do episódio Arena. Mas o humor está legal. Até vale a leitura.

  13. flavio nazareth | 2 de junho de 2009 at 4:19 pm |

    eu sinceramente nao sei o porque destas ediçoes ser tão caras acredito que todos os trekers sao cultos mas nem todos sao ricos um abraço treker a todos

  14. Padô,

    Tb adoro TNG,! A galxy é muito bacana! E, ao contrário do quem muitos dizem TNG tem muito carisma!
    Em relação às HQs: São fracas, não tem consistência. Deanna e Worf?! Não tem embasamento! Reality Show?! Muito forçado!

  15. Ainda bem que a Devir deu uma amostra do que vai lançar, assim economizo meu precioso dinheirinho! Na boa? Star Trek é para as telas e quadrinhos é lugar pra Wolverine!

  16. Alan Pires Ferreira | 3 de junho de 2009 at 12:50 am |

    Vou comprar ambos SE chegarem em Belo Horizonte. Ainda estou esperando o álbum Klingons Herança de Sangue ser distribuído por aqui: a Devir afirma que mandou alguns exemplares para a livraria Leitura, mas a livraria diz que vendeu em poucos minutos seu estoque e se recusa a importar mais de SP. Nunca entendi por que há tanta má vontade com relação a Star Trek.

  17. Trekker brasileiro (eu) é assim:
    Matando a sede por novidades secando coisas velhas.
    Revistas e mais revistas.

    Isso poderia render alguma coisa com mais frescor:
    http://www.rabittooth.com/StarTrekPhotoManipulations.htm

  18. Francisco Oliveira | 3 de junho de 2009 at 1:20 pm |

    Muito bom Raul !

    Quanta gente boa, heim ?!

  19. Visualizem a cena que acabei de presenciar:

    Estou sentado numa loja do Burguer King em São Paulo, e uma família senta ao lado, um casal e duas crianças de menos de 5 anos.

    Bandeja com muitos lanches, e um copo de Star Trek.

    O pai pega o copo e começa a olhar os detalhes, e enquanto olha canta bem alto “tam tam tam tam taram tam taram…” – A música do Império em Star Wars.

    Ha ha ha.

    Bem, ao menos comprou o copo e ajudou a franquia a vender bugingangas.

    Isso aconteceu há menos de 10 minutos.

    A propósito, o copo era o do Kirk.

    A moderação que me perdoe o off-topic, mas não sabia onde postar isso e queria compartilhar com todos. Rs.

    Abraços.

  20. Herança de Sangue é muito bom, mas pela prévia dessas duas novas publicações… sinceramente, um pior do que o outro.

  21. Thiago Nóbrega | 8 de junho de 2009 at 8:24 am |

    Como falou o amigo acima, ainda bem que divulgaram estas duas histórias, pois assim economizamos dinheiro. Que par de histórias sem pé nem cabeça. Muito ruim. E a da Nova Geração é realmente sofrível.

Leave a comment

Your email address will not be published.


*