Star Trek Discovery tem estreia adiada para maio

discoveryOs fãs que aguardavam ansiosamente pela estreia da série Star Trek Discovery para janeiro de 2017 terão de adotar a paciência vulcana e esperar um pouco mais. De acordo com a CBS, a estreia da nova série de Jornada só chegará na TV em maio do próximo ano.

Os executivos da CBS informaram que o atraso foi motivado pela necessidade de dar a equipe de criação de mais tempo para atender às expectativas da série, especialmente com efeitos especiais. Eles disseram que os produtores executivos Alex Kurtzman e Bryan Fuller levantaram a questão da necessidade de mais tempo na semana passada, que desencadeou discussões sobre o que acabaria por ser o melhor para a série. Star Trek Discovery está definida para começar a filmar na cidade de Toronto em novembro.

Em uma declaração conjunta os produtores Alex Kurtzman e Bryan Fuller disseram.

“Trazer de volta ‘Star Trek’ para a televisão carrega uma responsabilidade e missão: conectar os fãs e novatos à série que alimenta a nossa imaginação desde a infância. O nosso objetivo é sonhar grande, e isso significa certificar-nos que as demandas físicas e pós-produção para um série que ocorre inteiramente no espaço, e a necessidade de cumprir uma data para ir ao ar, não resultem em qualidade comprometida. Antes de começarmos a produção, nós avaliamos estas realidades com nossos parceiros na CBS e eles concordaram: ‘Star Trek’ merece o melhor, e estes poucos meses extras nos ajudarão a alcançar uma visão que todos poderemos nos sentir orgulhosos”.

Além disso, a liberação pela CBS incluiu notas do presidente da CBS Television Studios, David Stapf e do presidente CBS Interactive Marc DeBevoise sobre a mudança de data.

David Stapf:

“Os manuscritos do modelo de série e episódicos que Alex e Bryan entregaram são incrivelmente vívidos e convincentes. Eles estão construindo um novo e muito ambicioso mundo de Jornada para a televisão, e todos os envolvidos apoiam a sua visão para o melhor momento de trazer à vida o que todos nós amamos.”

Marc DeBovoise:

“Nós temos uma lista inaugural incrível de séries originais para a CBS All Access e com equipes criativas de primeira classe por trás cada uma das nossas séries. Esta composição e programação de estreias vai garantir que entreguemos com a mais alta qualidade, séries premium que, tenha certeza, irão atrair os assinantes existentes e novas audiências, ao longo do ano.”

Star Trek: Discovery vai estrear primeiro na CBS, e depois todos os episódios seguirão exclusivamente pela CBS All Access (nos EUA) e pela Netflix. A outra série da emissora, “Good Wife”, vai seguir uma estratégia de implementação semelhante. Dado que “The Good Wife” já estava em andamento, movendo-se a sua data para fevereiro, dando a “Star Trek” espaço para respirar.

Fique ligado no TB para mais informações.

Fonte: Variety

22 Comments on "Star Trek Discovery tem estreia adiada para maio"

  1. Será que as reprises das outras séries no Netflix vão acontecer como anunciado? A Paramount é muito “cheia de pontas e quinas” com ela é tudo muito difícil e custoso e demorado, ela vive chorando por custos enquanto os rivais estão esbanjando em lançamentos… A Paramount tá mais pra uma velha decrépita que não ouve e não enxerga mais nada que está orbitando ao seu redor… Se quer cativar o público teen, poderiam tirar da gaveta uma série animada para servir de introdução e interseção para os filmes tal como fez a Lucas Arts. O máximo que ela fez foi os gibis, mas isso tem alcance limitadíssimo…. Tomara que os executivos da D.C. não tenham criado um ninho lá, porque eles kagarameandaram nos filmes da DC… É tudo muito indefinido, reticente e o tempo vai passando e a banda vai acabar e não vimos nem metade do desfile… (bronca total!)

  2. Não sei se isso é responsabilidade da Paramount. Tratando-se das séries, creio que os direitos são da CBS.

  3. OK Pedro, Que seja!, Eles e seus parceiros não se alinham com as coisas…. É triste ver o tempo passar e a coisa ficar amarrada, atolada e tudo é detalhe aqui e ali e o mundo a mil por hora…

  4. Você tem razão. Mas para ST nada nunca foi fácil, desde a exibição da TOS. Acho que é o karma da saga.

  5. Tá mais pra maldição…. kkkkkkkkkk Até o Sheldon Cooper já descurtiu ST, e se arrependeu de ficar acreditando na lógica e esquecer de viver a realidade… kkkkkkk eu vi em algum ep da nona temporada….
    []´

  6. O acordo é com a CBS, que tem os direitos sobre as séries. E o atraso de Discovery (já esperado, afinal nem o elenco foi anunciado ainda) dificilmente afetará a disponibilidade das outras séries na Netflix ainda neste ano.

  7. Provavelmente o motivo pra adiar não foi somente a necessidade de mais tempo pra efeitos especiais….pra mim perceberam que o processo contra Axanar vai mesmo re iniciar em Janeiro e coincidir isso com a estreia da nova série não daria um bom marketing…ainda mais com os trekkers fazendo abaixo assinado nos EUA contra as novas regras de fãs filmes…
    Em Maio o processo pode já ter terminado ou em finalização ou acordos.

  8. Esse atraso pode ter relação com o processo contra Axanar group que re inicia em Janeiro e a repercussão no fandom

  9. Esse adiamento pode ter algo a ver tb com as pretensões chinesas de comprar a Paramao ?? Ou toda a ViaCon??
    http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2016/08/23/homem-mais-rico-da-china-quer-fechar-negocio-de-u-2-bi-com-hollywood.htm

  10. Maurício Monteiro | 15 de setembro de 2016 at 8:13 pm |

    Fora do tópico, mas gostaria de compartilhar com você: comprei ontem o meu “Guia da Saga”. Cara, que trabalho lindo! Amei!

  11. GILSON P. DE FARIAS | 15 de setembro de 2016 at 8:26 pm |

    Os fãs, gostariam de ver uma contínuação após, voyager.

  12. O dono do grupo, Sumner Redstone, não quer nem ouvir falar de vender a Paramount. Por conta disto ouve a troca de vários executivos do grupo. Eu acho que não tem nada a ver com isso.

    Infelizmente conseguiram atrapalhar a promoção de STB, promovendo a série com estardalhaço, antes de estarem prontos para isso.

  13. Sinceramente, eu concordo. E ainda digo mais, por mim colocava a história inteira de Star Trek On Line, principalmente o arco sobre a guerra iconiana. Ficou muito bom.

  14. Não vejo nada de grave, eu acho que é uma série que demanda muitos efeitos de qualidade… e isso toma tempo. Eles gravam tudo e depois um estúdio digital criam belas cenas com CGI, mas isso toma tempo. Se fizer com pressa sai tosco.

    Muitas pessoas sentiram que o teaser ficou com cara de CGI no pior sentido.

    Como eu não quero ver uma série com cara e jeito de game de Playstation, vamos esperar pela pós-produção.

    Sigo confiante.

  15. Eu gostaria de ver uma tripulação toda nova.

    Acho que para qualquer lado que a série apontar já vale a pena.

    Pessoalmente eu gosto muito do espírito de faroeste espacial da série original.

    A Federação na série original já estava bem consolidada, mas ainda era recente. Pouco mais de um século se passou desde a guerra com os romulanos.

    Me corrijam se eu tiver errado, mas eu creio que a Federação de Planetas Unidos foi uma resposta direta de vários sistemas estrelares livres que se sentiam ameaçados pelo império Romulano, algo como, a união faz a força.

    Nesse contexto da série original, a Frota Estrelar era só mais uma agência de exploração da Terra, um braço dentro da Federação, que também cumpria missões diplomáticas e militares, se necessário fosse.

    Assim, não haviam muitas naves e elas embora fossem confortáveis, não eram tão suntuosas como a Enterprise-D ou E ou mesmo a Voyager.

    No século XXIII a exploração espacial era mais audaciosa, mais perigosa, a sensação de isolamento era maior.

    A enterprise D, E ou mesmo a Voyger contavam com velocidades de dobra bem mais superiores, tecnologias muito mais avançadas e holodeck de fazer inveja.

    A quantidade de mundos federados era muito maior também no século XXIV. De certa forma, ficou claro que os impérios rivais foram superados pelo tamanho e poder de fogo da federação.

    Os romulanos já não assustavam tanto e se limitaram a tramar nos bastidores. Os Klingons não podendo mais competir com a federação devido ao declínio do seu próprio império decidiram celebrar a paz.

    As únicas e reais ameaças à Federação no século XIV, vieram de grandes rivais que, assim como a Federação, já haviam se estabelecido como soberanos e dominados os seus respectivos quadrantes na galáxia. Eram eles os Brogs e o Domínium.

    O único pesar meu é que, com a série se passando no século XXIII, não verei os Borgs que, por uma questão de coerência cronológica, não devem dar as caras.

  16. Eu também preferia algo pós-voyager.

    Admito que estou dando crédito à produção desta série, vou aguardar a estréia para julgar, mas, de imediato, não gosto do período retratado.

    Pós-voyager é um livro em branco, dá para ter milhões de idéias bacanas sem prejudicar o cânone. Discordo quando se diz que é difícil imaginar tecnologias para um futuro no século XXV, porque podem ser as mesmas do Séc. XIV aperfeiçoadas, com uma nova roupagem.

    Eu gostaria de ver filmes retratando esses períodos da história que ficaram no “passado”, com novas tripulações, nada de Kirks, Spocks etc., respeitando fielmente a história, poderiam ser trilogias.

    Enfim, vou aguardar a estréia da série, torço para que seja um renascimento da franquia, mas, ao mesmo tempo, que respeite a franquia.

  17. Chinês é um bicho paciente, sabe esperar o momento certo. Se não comprar na sua totalidade vai tentar adquirir parte das ações. A Paramount enfrenta uma fase bem ruim.

  18. Na minha opinião a FEDERAÇÃO UNIDA DE PLANETAS era uma União de sistemas estelares econômica e politicamente falando para fazer frente aos Romulanos e Klingons sim mas principalmente para exploração pacífica do Espaço e a Frota começou como agencia espacial e passou a ser o braço armado tb , da Federação, para exploração e defesa a partir de 2161.

  19. Chineses são bem Romulanos…falando em negócios….kkkkkk

  20. Excelente mesmo!! E já sairam outros dois livros bem legais q vou pegar hoje
    http://www.saraiva.com.br/star-trek-o-livro-de-enigmas-do-spock-9374458.html

  21. Bem, parece que o principal defensor da ideia sobre a venda de parte da Paramount, foi saído de lá com $70m no bolso.

    http://variety.com/2016/film/news/sumner-redstone-granddaughter-philippe-dauman-settlement-1201841959/

  22. Vou arrumar um calmante de Pingo!!

Leave a comment

Your email address will not be published.


*