“Lower Decks não zomba de Star Trek”, diz McMahan

Como já foi dito anteriormente, Star Trek: Lower Decks é uma nova série animada, do produtor Mike McMahan, que se concentra nos tripulantes dos conveses inferiores de uma nave estelar, em vez dos oficiais de alto escalão na ponte.

Numa entrevista ao site SlashFilm, McMahan falou um pouco mais sobre a série animada baseada em Star Trek. Ele começou explicando como a série será engraçada e ao mesmo tempo respeitará o cânone.

“Sou um grande fã de Star Trek, e ninguém precisa de uma comédia de Star Trek que zombe de Star Trek ou dê um soco em Star Trek, nem estava interessado em fazer isso”, enfatizou o produtor.

Continuou McMahan falando sobre manter o cânone acima de tudo. “Eu estava interessado em escrever um Star Trek que pudesse ser canônico, que siga as regras de outras séries de Star Trek que eu amei e que tenha tudo o que você ama em Star Trek, incluindo a maneira como conta histórias”.

Mas ele observou que sua veia de escritor vem do gênero comédia. Então, não tem como escrever uma história de Star Trek séria. A maneira que encontrou para lidar com isso foi não ter a nave ou mesmo a equipe da ponte como principal, feito em outras séries.

“É sobre os oficiais mais baixos dessa nave. Mas quando estamos contando histórias para os conveses inferiores, todos os episódios também têm um episódio apropriado de Star Trek que está acontecendo com a equipe da ponte, e nossos oficiais dos decks inferiores não estão envolvidos”.

Star Trek: Lower Decks | Série animada ganha primeiras imagens e ...

É claro, que o que acontece na nave afeta a todos, disse McMahan, mas você verá o evento ocorrendo na visão destes personagens.

“Se você estiver assistindo Lower Decks, estará recebendo um episódio completo de Star Trek da perspectiva de pessoas que têm suas próprias histórias sociais e emocionais e suas próprias histórias de ficção científica, mas elas simplesmente não estão na ponte. Eles não têm as informações que a ponte está recebendo e não têm a responsabilidade.

McMahan acrescentou que a dinâmica entre os personagens sempre focará seu significado de estar na Frota Estelar:

“Uma coisa que foi importante para mim foi descobrir como acessamos comedicamente esses personagens. Como esses personagens podem ser engraçados e não quebrarem Star Trek. Você não pode ter um Morty em Rick and Morty em Star Trek. Você não pode simplesmente ter uma pessoa estúpida na Frota Estelar, caso contrário, ele quebraria o paradigma aspiracional de como é a humanidade na Frota Estelar. Portanto, nossos protagonistas são frustrados um pelo outro, mas estão muito arraigados em Star Trek.”

Duas pistas foram dadas pelo produtor para definir esse atrito cômico entre os personagens:

Star Trek Lower Decks: conheça o elenco da animação

“Você tem a alferes Beckett Mariner, que é como o nosso Tom Cruise/Maverick (Ases Indomáveis), onde ela é incrível no material da Frota Estelar, e ela é incrivelmente experiente, mas simplesmente odeia seguir as regras e se arrepia na estrutura militar. Ela quer fazer o que quiser. É como o Capitão Kirk, se Kirk não fosse um capitão e não tivesse o poder. Kirk seguiria seu intestino instinto e ela segue o seu”.

Star Trek apresenta novidades de suas séries em painel na ...

“Então, o alferes Brad Boimler também sabe tudo sobre ficção científica, e também é um incrível membro da tripulação da Frota Estelar, mas ele é tão exigente e tão sobrecarregado por seguir as regras que não consegue seguir seu instinto. Portanto, o atrito cômico é que ambos querem a mesma coisa, são bons nisso, mas emocionalmente e do nível humano, são completamente diferentes sobre como fazem isso. ”

Ao encerrar a entrevista, McMahan afastou qualquer receio dos fãs de que a série possa tomar uma direção que se afaste de Star Trek:

“Star Trek sempre teve comédia. Todas as séries de Star Trek têm personagens engraçados, episódios engraçados, e esses sempre vivem nas histórias B na maior parte do tempo. Isso, para mim, é o que eu amo em Star Trek. Então, é realmente pegar esse aspecto e deixar brilhar. Mal posso esperar para que vocês vejam, porque é uma das minhas coisas favoritas que já fiz. Parece que caiu de outra dimensão nos anos 90, onde eles estavam fazendo uma divertida série da era A Nova Geração.”

Lower Decks se passará no período após o filme Star Trek Nemesis. Segundo Mike McMahan, o trabalho de produção não está parado. Mesmo na pandemia está sendo feito em casa. A série irá passar no canal CBS All Access nos Estados Unidos, e provavelmente será exibida pela Netflix no resto do mundo. Mas ainda não há um data oficial de lançamento.

Fonte: ComicBook.

Be the first to comment on "“Lower Decks não zomba de Star Trek”, diz McMahan"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*