TNG 1×08: The Battle

A rusga entre Picard e os ferengis se torna pessoal, em história que prioriza a aventura

Sinopse

Data estelar: 41723.9

O ferengi DaiMon Bok oferece um presente a Picard: a danificada nave Stargazer, que Picard comandara anos antes. A última missão da nave fora a batalha de Maxia, onde, após ser severamente danificada – mas ainda capaz de destruir a nave ferengi oponente –, ficou à deriva.

O que Picard não sabe é que o filho de Bok comandava a nave destruída, e que Bok considera Picard o responsável pela morte de seu filho.

A fim de se vingar, ele utiliza um aparelho alienígena para controlar a mente de Picard e levá-lo a bordo da Stargazer, para que o capitão reviva a batalha. Só que desta vez a nave ferengi destruída foi substituída pela Enterprise.

Data, entretanto, consegue desenvolver uma estratégia para neutralizar a “Manobra Picard”, utilizada anteriormente pelo capitão em Maxia. Riker então consegue trazer Picard de volta do transe em que está imerso, instruindo-o para que destrua o aparato que está interferindo com seus pensamentos.

Bok é destituído do comando na nave ferengi. A acusação: perseguir uma causa sem ter potenciais lucros como objetivo.

Comentários

“The Battle” é um episódio que se afasta da tendência geral da temporada: trata apenas de contar uma boa aventura em um contexto definido, em vez de apresentar o padrão permeado por conceitos de “moral da história” ou coisa que o valha.

E justamente a fuga do que foi – em linhas gerais – o primeiro ano da série é a maior qualidade do episódio. Evitando gastar tempo para passar sermão, os roteiristas puderam utilizar a história para apresentar adequadamente os elementos necessários ao desenvolvimento da trama.

O episódio pinta um bom retrato de contexto para o passado de Picard, trazendo ao espectador elementos de seu passado como a batalha de Maxia, em que o capitão, no comando da USS Stargazer, destrói uma nave ferengi com a estratégia que mais tarde ficaria conhecida como a Manobra Picard. Aprendemos também como o capitão perdeu sua antiga nave, fato que daria mais pano para a manga em “The Measure of a Man”, do segundo ano da série.

Entretanto, se o passado foi bem desenhado, a caracterização dos personagens continua tão rasa quanto de costume. Os ferengis melhoraram ligeiramente, principalmente pela atuação singular do primeiro oficial da nave alienígena em seus diálogos com Riker. Mas o comportamento geral e a atitude simiesca continuam deixando a desejar.

Essa falha na caracterização dos inimigos prejudicou um pouco o desenvolvimento da premissa original da história – retratar uma emocionante aventura em que um poderoso adversário quer se vingar de Picard –, já que os ferengis continuam se mostrando tão apatetados como de costume. Não se pode ter um conflito mortal convincente se o inimigo não parece tão mortal… mas, mesmo assim, a história consegue se sustentar, garantindo 45 minutos de bom entretenimento.

Avaliação

Citações

“As you humans say, ‘I’m all ears!'”
(Como vocês, humanos, dizem, ‘Sou todo ouvidos!’)
Ferengi

“I hope you’re right, Data.”
“No question of it, sir.”
(Espero que esteja certo, Data.)
(Não há dúvida disso, senhor.)
Riker e Data

Trivia

  • A ponte da Stargazer foi construída modificando a ponte da Enterprise que havia aparecido nos três primeiros filmes de cinema.
  • A princípio, a Stargazer seria uma nave da classe Constitution, a mesma da Enterprise. A mudança para uma nave da classe Constellation aconteceu já no final das filmagens, o que fez com que LeVar Burton tivesse de refazer uma cena, na qual La Forge dizia a classe da nave.
  • Outros episódios em que o tema dos nove anos em que Picard esteve na Stargazer é citado: “The Measure of a Man” (segundo ano); “Allegiance” (terceiro ano) e “The Wounded” (quarto ano). Isso além dos episódios “Family” (quarto ano), “Violations” (quinto ano) e “Attached” (sétimo ano), que tratam mais da morte do marido da dra. Beverly Crusher, Jack Crusher, que servia a bordo da Stargazer com Picard.
  • Neste episódio é que ocorre a primeira menção à “Manobra Picard”. Mais tarde, essa expressão seria usada para descrever a ajeitada de uniforme usual do ator Patrick Stewart.

Ficha Técnica

História de Larry Forrester
Roteiro de Herbert Wright
Dirigido por Herbert Wright

Exibido em 16 de novembro de 1987

Título em português: “A Batalha”

Elenco

Patrick Stewart como Jean-Luc Picard
Jonathan Frakes como William T. Riker
Brent Spiner como Data
LeVar Burton como Geordi La Forge
Michael Dorn como Worf
Gates McFadden como Beverly Crusher
Marina Sirtis como Deanna Troi
Wil Wheaton como Wesley Crusher
Denise Crosby como Natasha “Tasha” Yar

Elenco convidado

Frank Corsentino como DaiMon Bok
Doug Warhit como Kazago
Robert Towers como Rata

Enquete

Edição de Maria-Lucia Rácz
Revisão de Susana Alexandria

Episódio anterior | Próximo episódio

Be the first to comment on "TNG 1×08: The Battle"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*