Star Trek: Discovery é indicada para o prêmio GLAAD

Ontem, o GLAAD anunciou o seu 32º Prêmio Anual GLAAD Media. A premiação do GLAAD (Gay & Lesbian Alliance Against Defamation) visa “reconhecer e homenagear a mídia por suas representações justas, precisas e inclusivas da comunidade lésbica, gay, bissexual, transgênero e queer (LGBTQ) e as questões que afetam suas vidas”.

Este ano, os prêmios serão entregues em uma variedade de gêneros, incluindo cinema, televisão, música, videogames, jornalismo impresso e muito mais. A terceira temporada de Discovery foi indicada para o gênero “Outstanding Drama Series”.

Os indicados para o GLAAD Media Awards são julgados com base em quatro critérios: representação justa, precisa e inclusiva; ousadia e originalidade; impacto; e qualidade geral. Competindo com Discovery para o prêmio deste ano estão:

9-1-1: Lone Star (FOX)
Killing Eve (BBC America)
P-Valley (Starz)
Ratched (Netflix)
Supergirl (The CW)
The Umbrella Academy (Netflix)
Vida (Starz)
The Wilds (Amazon Prime)
Wynonna Earp (Syfy)

Star Trek Discovery Culber Stamets Adira Season 3 Finale

A conta oficial do CBS All Access (que em breve se chamará Paramount+) no twitter celebrou a indicação.

Discovery já teve duas indicações ao GLAAD, mas não obteve vitória: Melhor Série Dramática – 2018 e Melhor Série Dramática – 2020. Desta vez veio mais forte com a introdução de um personagem trans e um personagem não binário, Gray e Adira.

Os atores Wilson Cruz (Dr. Culber) e Anthony Rapp (Paul Stamets) enviaram mensagens no Twitter de satisfação pela indicação ao prêmio.

Os vencedores do prêmio serão anunciados durante uma cerimônia virtual programada para abril de 2021.

Fonte: TrekMovie e Daily Star Trek News

Be the first to comment on "Star Trek: Discovery é indicada para o prêmio GLAAD"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*