Sigourney Weaver revela ser possível Galaxy Quest 2

O filme Galaxy Quest (Heróis Fora de Órbita, no Brasil) foi lançado em 1999, com um elenco de primeira linha. Tim Allen, Sigourney Weaver, Alan Rickman, Sam Rockwell, Tony Shalhoub, Enrico Colantoni, Missi Pyle e Justin Long se transformam nos aventureiros do espaço, em uma divertida paródia de Star Trek.

O longa teve um modesto sucesso de bilheteria (faturou um pouco mais que o dobro do orçamento gasto), mas recebeu elogios positivos da crítica, chegando a ganhar o Prêmio Hugo de Melhor Apresentação Dramática; Saturn Award na categoria Melhor Ator, Tim Allen; o Prêmio Nebula de Melhor Roteiro, entre outros.

Com o passar dos anos, Galaxy Quest alcançou status de clássico cult, sendo adorado por fãs e não fãs de ficção. Em 2016, surgiu no noticiário que a Amazon Prime Video estava procurando reviver o filme como uma série de TV, mas um membro do elenco, Alan Rickman, faleceu inesperadamente e o projeto ficou interrompido. Alan Rickman interpretou o ator Alexander Dane, que no seriado do filme fazia o papel do Dr. Lazarus.

Na época, o diretor Dean Parisot comentou sobre o projeto.

 “Tínhamos um acordo com a Amazon. Estávamos recebendo notas. Houve um script. Tínhamos todos a bordo. Estávamos tentando fazer a série quando Alan morreu. Não podíamos seguir em frente porque amávamos Alan, que era a pessoa mais doce e generosa do planeta. Nós simplesmente não poderíamos ver isso sem ele. Ainda estamos falando sobre isso o tempo todo. Quem sabe?”

A série iria misturar o elenco original com novos personagens, mergulhando no fandom moderno e na popularização do gênero de ficção.

Fazer uma sequência sem Rickman seria de fato um desafio, já que o ator interpretava um dos personagens favoritos do filme, pelos fãs. No entanto, seguindo a frase lema do próprio filme, dita pelo capitão Peter Quincy: “Nunca desista, nunca se renda”, a conversa sobre uma sequência apareceu mais de uma vez este ano.

Numa entrevista recente ao site Collider, onde comentava a respeito do seu novo filme, My Salinger Year, Sigourney Weaver, que interpretava Gwen DeMarco no papel da oficial de comunicações Tawny Madison, confirmou que um renascimento da franquia está em andamento.

“Eles estavam no meio de revivê-lo. Em primeiro lugar, havia outro script. Houve uma sequência escrita por nosso escritor, Bob Gordon. O filme era tão espirituoso e, quando o lançaram, a DreamWorks cortou muitas das cenas mais espirituosas porque queriam lançá-lo como um filme infantil no Natal. Acho que foi decepcionante para todos, então ele decidiu não deixar que eles ficassem com o segundo. Porém, há cerca de quatro anos, Bob e (produtor) Mark Johnson e todo o grupo, começaram a desenvolver uma série. Perdemos o maravilhoso Alan [Rickman] inesperadamente, então isso foi colocado na naftalina, mas acho que eles estão finalmente revivendo-o.

De acordo com Weaver , o roteiro do novo filme Galaxy Quest avançará no tempo, com um novo conjunto de atores encontrando o elenco veterano.

Será a história dos antigos Galaxy Questers sendo trazidos para esta série com outro elenco jovem. Eu não li (o script), então não sei os detalhes, mas acho que todos do Galaxy Quest adorariam participar porque foi uma experiência maravilhosa para nós. Como eles vão encontrar alguém para fazer o papel do Alan, não sei, mas acho que eles têm uma ideia muito boa de quem fazer. Ele é insubstituível, eternamente. Acho que pode haver boas notícias sobre isso, mas não ouvi nada sobre esse projeto nesses seis meses, então quando isso vai acontecer, não tenho certeza.

Durante as gravações, Galaxy Quest teve várias cenas deletadas – incluindo algumas com Rickman – que a DreamWorks considerou muito picantes e foram cortadas contra a vontade de Parisot. Sigourney Weaver  chegou a sugerir que pudessem, de algum modo, inserir estas cenas, incluindo as do Dr. Lazarus, para uma homenagem ao ator falecido.

Numa entrevista em janeiro deste ano, o ator Tim Allen também comentou ao EW:

 “É um roteiro fabuloso, mas teve um soluço porque o maravilhoso Alan Rickman faleceu. Então, tudo ficou muito triste e sombrio porque o roteiro era todo sobre Lazrus e Taggart. Era tudo sobre a história deles. Isso não significa que eles não pudessem reiniciar a ideia, e a história subjacente era histérica e divertida … Não falei com ninguém na semana passada, mas falamos sobre isso o tempo todo. Há constantemente um pequeno lampejo de uma tocha de butano com a qual poderíamos reiniciá-la. Sem revelar muito, um membro da família do Alan de Galaxy Quest poderia intervir e a ideia ainda funcionaria.”

Allen também afirmou que os anos entre o projeto inicial do segundo filme e agora, não teriam qualquer efeito enorme em sua capacidade de fazer a sequência, acrescentando:

“A sequência pode acontecer agora ou em cinco anos e isso não importa nada porque quando você viaja na velocidade da luz, quando você volta, pode demorar apenas 20 minutos, mas 20 anos se passaram, certo? Essa parte é maravilhosa para o fanático por ficção científica em mim. Mas agora está em um padrão de espera.”

Você gostaria de assistir mais uma aventura da nave NSEA Protector e sua tripulação?

Fonte: Comicbook

Be the first to comment on "Sigourney Weaver revela ser possível Galaxy Quest 2"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*