TNG 5×03: Ensign Ro

Sensacional trama política cria pano de fundo para Deep Space Nine

Sinopse

Data estelar: 45076.3

Após um ataque terrorista a uma colônia da Federação em Solarion IV, a Enterprise recebe uma mensagem de um homem que se diz representante dos bajorianos – uma raça que está lutando há 40 anos para recuperar seu planeta do domínio cardassiano. O homem assume a responsabilidade pelo ataque terrorista.

Picard então contata o almirante Kennelly para discutir as medidas a serem tomadas com relação ao ataque. O almirante ordena Picard a encontrar Orta, o líder dos bajorianos, e oferecer anistia, em troca do fim das hostilidades com os cardassianos, enquanto a Federação tentaria negociar, por vias legais, a libertação de Bajor.

Para a surpresa do capitão, Kennelly também envia uma nova oficial para a Enterprise – a alferes Ro Laren, uma bajoriana – para ajudar na delicada missão. Nem o capitão, nem a tripulação se sente à vontade com Ro, uma oficial rebelde que Kennelly tirou da prisão para atuar na operação.

Com a ajuda de Ro, Picard se encontra com Keeve, um membro do movimento de resistência bajoriano, que revela ao capitão o paradeiro de Orta, um esconderijo subterrâneo em uma lua. Mas antes que eles possam ir ao encontro do líder rebelde, eles descobrem que Ro misteriosamente deixou a nave, teleportando-se para a lua.

Seguindo seu destino, Picard e um grupo avançado são capturados pelos rebeldes. Após encontrar Orta, a tripulação se choca ao encontrar Ro junto dele, embora ela diga que desceu apenas para ajudar com as negociações. Embora Picard esteja furioso com Ro por ter deixado a nave sem permissão, ele fica surpreso quando Orta anuncia que os bajorianos não atacaram Solarion IV. Orta também dá a entender que Picard está sendo manipulado por alguém querendo eliminar a resistência bajoriana.

Ao retornar à Enterprise, Ro confessa a Picard que o almirante Kennelly a estava usando como parte de um plano para oferecer armas aos bajorianos em troca do fim das atividades terroristas contra a Federação. Como recompensa, Kennelly prometeu manter Ro fora da prisão, onde ela tem estado após uma condenação em corte marcial.

Convencidos de que a Enterprise está sendo o instrumento de uma conspiração, Picard e Ro elaboram um plano para desmanchá-la. O capitão informa Kennelly de que a nave irá escoltar dois veículos bajorianos, com Orta e seu povo, a seu acampamento. Duas naves cardassianas aparecem durante o deslocamento, ameaçando destruir as naves, e exigem a retirada da Frota Estelar.

Picard então confronta Kennelly, acusando o almirante de ter usado a Enterprise para entregar Orta e seus colegas terroristas aos cardassianos. O almirante ordena que a Enterprise abandone as naves bajorianas, o que Picard faz. Quando os cardassianos destroem os dois transportes, Picard revela a Kennelly que as naves estavam vazias. Ele revela ao almirante que os ataques terroristas em Solarion IV foram conduzidos pelos cardassianos, que então atribuíram a culpa aos bajorianos para que alguém dentro da Frota Estelar se mostrasse disposto a ajudar na captura de Orta e seus comandados.

Após parabenizar Ro pela missão bem-sucedida, Picard convida a oficial a continuar servindo na Enterprise. Ela hesita, mas concorda.

Comentários

“Ensign Ro” consegue, em apenas 46 minutos, não só cumprir seu objetivo – criar um interessante pano de fundo sobre Bajor e Cardássia que mais tarde serviria de base para a série Deep Space Nine – como também elaborar uma incrível trama política envolvente ligando a Federação, os cardassianos e os recém-apresentados bajorianos.

O episódio serve para provar como é simples desenvolver um personagem, quando o roteirista já o conhece profundamente. A alferes Ro aparece com uma presença incrível em cena desde o primeiro instante, não deixando dúvidas de que seria um dos recorrentes mais interessantes da história de A Nova Geração. O mérito precisa ser dividido meio a meio entre Michael Piller, o roteirista e cocriador da história do episódio (e de Deep Space Nine), e Michelle Forbes, a atriz que dá vida à personagem.

O equilíbrio entre a atenção dada à trama e ao desenvolvimento dos personagens é perfeita, permitindo que o episódio seja duplamente brilhante. É impossível dizer que a história sufocou os personagens, ou que os diálogos bem polidos prejudicaram o andamento de um enredo mais sofisticado. Está tudo ali, na medida certa.

Provas de que os personagens não foram esquecidos são evidentes. Aprendemos muito sobre a moralidade de Picard, seu estilo de comando e seu caráter para com novos oficiais. É incrível ver como o capitão vai de um extremo a outro com relação ao que pensa da alferes, sem em nenhum momento ferir sua caracterização. A ponte para que tudo isso aconteça é Guinan.

Aliás, parece que os roteiristas são dotados de um brilhantismo fora do comum toda vez que decidem escrever diálogo para Guinan. Não que a sempre fantástica atuação de Whoopi Goldberg não ajude muito a tornar a personagem interessante, mas a forma como Guinan é capaz de desarmar e antecipar as reações das pessoas com quem ela conversa é apaixonante.

Já funcionou maravilhosamente com outros personagens, como Geordi (“Booby Trap”), Worf (“Redemption”), Picard (“The Measure of a Man”) e Riker (“The Best of Both Worlds, Part II”). Desta vez, com Ro Laren, não é diferente. Além de engraçados, os diálogos são muito pertinentes, cumprindo duplo papel: conduzindo a história (aproximando Picard e Ro) e revelando a natureza mais íntima da bajoriana.

Ro foi, além de uma excelente recorrente de A Nova Geração, o protótipo para a criação da major Kira Nerys, de Deep Space Nine. A ligação é tão óbvia que até o penteado de Kira no piloto da série (“Emissary”) era igual ao da alferes.

A história também começa a pintar os cardassianos como vilões maravilhosos, que combinam a astúcia dos romulanos com a natureza violenta dos klingons. Não é à toa que eles renderam adversários tão formidáveis em Deep Space Nine – tudo foi construído (em certa medida) de antemão.

A respeito do enredo, vale também observar, como nota de rodapé, que a Frota Estelar refletida em A Nova Geração, nos filmes com o elenco liderado por Patrick Stewart e nas séries subsequentes, culminando com o trabalho da série Picard, já não é a mesma de outros tempos. Encontramos mais uma vez um almirante cujo caráter está longe de ser louvável. A desculpa de sempre é a ingenuidade, mas é difícil aceitar que um oficial chegue ao almirantado sem qualquer malícia a respeito das grandes engrenagens que movem a política interestelar.

Do ponto de vista da produção, a maquiagem se destaca, com o belo serviço feito no rosto deformado de Orta e os narizes bajorianos ligeiramente mais trabalhados (e menos refinados) do que os vistos em Deep Space Nine. Os efeitos visuais envolvendo a Enterprise e as naves cardassianas oferecem a qualidade habitual que sempre marcou A Nova Geração. Seja qual for o elemento que esse episódio destaca (cardassianos, bajorianos, disputas políticas e Ro Laren), depois dele é impossível não querer mais.

Avaliação

Citações

“Am I disturbing you?”
“Yes.”
“Good, you look like someone who likes to be disturbed.”
“I’d rather be alone.”
“Oh, no, you wouldn’t.”
“I beg your pardon?”
“If you wanted to be alone you would’ve stayed in your quarters.”
(Estou incomodando?)
(Está.)
(Bom, você parece alguém que gosta de ser incomodada.)
(Eu prefiro ficar sozinha.)
(Oh, não, você não prefere.)
(Como é que é?)
(Se você quisesse ficar sozinha teria fica em seu alojamento.)
Guinan e Ro Laren

“You are not like any bartender I met before.”
“And you’re not like any Starfleet officer I met before. But that sounds like the beginning of a…
very interesting friendship.”
“I don’t stay anywhere long enough to make friends.”
“Too late. You just did. Excuse me.”
(Você não é como qualquer bartender que eu tenha conhecido antes.)
(E você não é como qualquer oficial da Frota que eu tenha conhecido antes. Mas isso parece o começo de uma… amizade bem interessante.)
(Eu não fico em nenhum lugar por tempo suficiente para fazer amigos.)
(Tarde demais. Você acabou de fazê-lo. Com licença.)
Ro Laren e Guinan

Trivia

  • Este episódio traz a primeira aparição dos bajorianos, que viriam a se tornar um ponto focal em Deep Space Nine. Os produtores Rick Berman e Michael Piller disseram que o segmento, embora tenha servido de inspiração, não foi pensado com a futura série já em mente. Mas é uma versão difícil de acreditar, dada a raridade do crédito conjunto “Rick Berman & Michael Piller” (ele só apareceria aqui e no episódio duplo “Unification”, que trazia Spock para A Nova Geração). Os dois seriam os criadores de Deep Space Nine, série em que Berman só teria dois créditos: no piloto “Emissary” (estabelecendo a cocriação) e no duplo “The Maquis” – segmento destinado a plantar um elemento para uma futura série, no caso Voyager.
  • Na premissa original, seriam os romulanos ocupando Bajor. Mas Berman achava que eles já haviam sido muito usados e trocou pelos cardassianos, que foram introduzidos em “The Wounded”, da quarta temporada.
  • Ainda de acordo com Berman, os bajorianos não foram inspirados por nenhum grupo específico da vida real. “Os curdos, os palestinos, os judeus dos anos 1940, os refugiados do Haiti – infelizmente, os sem-teto e terrorismo são problemas [em qualquer época].”
  • “Ensign Ro” foi filmado entre 29 de julho e 6 de agosto de 1991, nos galpões 8, 9 e 16 da Paramount. No dia 2, os sets receberam uma visita de executivos do estúdio. E durante um dia, 5 de agosto, a produção fez filmagens em locação, voltando ao Bronson Canyon, também usado no episódio anterior, “Darmok”. No dia seguinte, fizeram as imagens promocionais da nova temporada com a tripulação na ponte e no galpão 8 da Paramount.
  • A cena em que Ro usa seu uniforme para agasalhar uma criança exigiu coordenação entre o figurinista Robert Blackman e o diretor Les Landau. Afinal, o uniforme não se abria pela frente, como mostrado ali, e a cena só pôde ocorrer com alguma edição esperta e a preservação do mistério de como a alferes abriu seu uniforme e como sua insígnia foi parar na camisa de baixo.
  • A principal missão do episódio foi introduzir a personagem recorrente Ro Laren. Os produtores queriam alguém que fornecesse conflito dentro da tripulação, de preferência uma mulher. Berman explicou: “Os outros personagens no elenco são relativamente homogêneos; alguns até diriam suaves. Então queríamos uma personagem com a força e a dignidade de um oficial da Frota Estelar, mas com um passado complicado.”
  • Michelle Forbes ganhou o papel depois de seu desempenho como atriz convidada em “Half a Life”, da quarta temporada.
  • O episódio marca a introdução do barbeiro boliano Mot.
  • Esta é a última vez que vemos (agora sem os capacetes) os trajes cardassianos introduzidos em “The Wounded”.
  • Cenas da Base Estelar 74, de “11001001”, foram recicladas para representar a Estação Lya Alfa, onde e Enterprise encontra Kennelly e Ro Laren. A tomada, claro, já é um reaproveitamento das cenas da doca espacial em Jornada nas Estrelas III: À Procura de Spock.
  • Michael Piller avaliou positivamente a introdução de Ro. “Foi uma das maiores realizações da temporada. Não apenas por Rick e eu, mas pela atuação da Michelle, que é uma atriz maravilhosa.” Ele também elogiou o uso de Guinan. “Acho que Guinan abraça Ro de um jeito muito pessoal. Ela basicamente pegou Ro pela mão e disse que ela merece sua atenção e merece ser abraçada por você. Quando ela levou Ro para Picard por essa mesma razão, em essência, ela estava fazendo isso para a nossa audiência. Não foi um episódio muito fácil de escrever; não foi até acharmos aquele relacionamento entre Ro e Guinan que eu fiquei pessoalmente satisfeito de que havíamos feito algo magnífico.”
  • Aqui descobrimos que Bajor foi ocupada pelos cardassianos há pelo menos 40 anos, que Ro serviu na USS Wellington (“11001001”), e que as naves de guerra cardassianas são da classe Galor.
  • Whoopi Goldberg, como Guinan, voltará apenas ao final desta temporada, em “Imaginary Friend”.
  • Michelle Forbes (Ro Laren) participou de seis episódios na quinta temporada: “Ensign Ro”, “Disaster”, “Conundrum”, “Power Play”, “Cause and Effect” e “The Next Phase”. Ela receberia a oferta para ser parte do elenco principal de Deep Space Nine, mas acabaria recusando, para não ficar presa a uma série. Ainda assim, Ro voltaria em mais dois episódios: “Rascals”, da sexta temporada, e “Preemptive Strike”, do sétimo ano.

Ficha Técnica

História de Rick Berman & Michael Piller
Roteiro de Michael Piller
Dirigido por Les Landau

Exibido em 7 de outubro de 1991

Título em português: “Alferes Ro”

Elenco

Patrick Stewart como Jean-Luc Picard
Jonathan Frakes como William Thomas Riker
Brent Spiner como Data
LeVar Burton como Geordi La Forge
Michael Dorn como Worf
Marina Sirtis como Deanna Troi
Gates McFadden como Beverly Crusher

Elenco convidado

Michelle Forbes como Ro Laren
Scott Marlowe como Keeve Falor
Frank Collison como Dolak
Jeffrey Hayenga como Orta
Harley Venton como Collins
Ken Thorley como Mot
Cliff Potts como Kennelly
Whoopi Goldberg como Guinan
Majel Barrett como voz do computador

Enquete

Edição de Maria Lucia Rácz
Revisão de Susana Alexandria

Episódio anterior | Próximo episódio